Dicas para quem quer trabalhar na Espanha: mercado de trabalho, salário, visto

trabalhar na espanha

(Quer saber como está o mercado de trabalho na Espanha em 2017? Confira esse post!)

Quem nunca sonhou em largar tudo e morar em outro país? A sensação que eu tenho é que o número de brasileiros que pensam em morar no exterior não para de crescer. Recebo vários e-mails por semana com perguntas sobre como vir morar em Madrid, como conseguir um emprego, como é a vida por aqui, se os salários são bons. Decidi fazer esse post porque percebi que as dúvidas entre aqueles que pensam em fazer as malas e emigrar costumam ser as mesmas e achei que seria útil respondê-las aqui.

O foco do post de hoje é trabalho na Espanha para brasileiros e espero poder ajudá-los um pouco com isso – lembrando que eu falo a partir da minha experiência e da de outros brasileiros que moram aqui.

– Quero morar e trabalhar na Espanha. O que devo fazer?

Para morar na Espanha, você precisa ter a nacionalidade espanhola (ou de outro país da União Europeia) ou ter um visto de trabalho ou de estudante. Se você quer vir com um visto de trabalho, você precisa de um trabalho! Isso significa que você já deve sair do Brasil com um trabalho na Espanha, ou seja, você precisa ser contratado estando aí no Brasil para ir ao consulado e fazer um pedido de visto de trabalho. Outra possibilidade é ser transferido da sua empresa do Brasil para a Espanha.

– Como procurar trabalho na Espanha?

Pela internet, é claro. Há sites de emprego onde você pode se cadastrar e começar a procurar. O maior deles é o Infojobs, há outros – alguns específicos por área, como a Manaira contou nesta lista bem completa. Há também algumas páginas no Facebook que podem te ajudar, como o Brazilian Portuguese Jobs.

– É fácil encontrar trabalho na Espanha?

Essa é, provavelmente, a principal pergunta e sinto em informar que não é nada fácil encontrar trabalho na Espanha. A taxa de desemprego no país é de 23% e, entre os imigrantes, de 33%! Muitos jovens espanhóis decidiram tentar a sorte em outros países, como Alemanha, Inglaterra e também no Brasil.

Para um espanhol, é bem difícil encontrar um emprego aqui, mas para um brasileiro é ainda mais complicado porque eles acabam dando prioridade aos espanhóis. Mas, como em todos os lugares, há espaço se você for “O” cara da sua área: ser um super especialista de uma área onde faltam profissionais ajuda muito. Ter pós-graduação pode contar pontos, mas não é um diferencial: a Espanha é um dos países europeus com mais pessoas sobrequalificadas no mercado de trabalho, ou seja, tem gente com pós trabalhando em telemarketing e no comércio, por exemplo.

– E se eu tentar arriscar ir sem o visto de trabalho, é fácil encontrar um?

Não! Talvez você conheça alguém que veio pra Espanha há uns 10 anos e se deu super bem na vida. Naquela época, isso era bem provável, mas hoje em dia é quase impossível. Se você vier como turista e ficar ilegalmente no país, nenhuma empresa vai querer te contratar por um simples fator: se há tanta gente desempregada legalmente, por que fazer todos os trâmites burocráticos para contratar um estrangeiro ilegal?

– E empregos informais, como manicure ou pedreiro?

Claro que existe informalidade, mas esse “setor” também foi afetado pela crise e suas atividades se reduziram. Além disso, muitos donos de pequenos negócios não se arriscam a ter um trabalhador informal porque as multas são altíssimas. É uma furada!

– Pagam bem? 

Já cansei de dar notícias negativas nesse post, mas a verdade é que não. Bom, claro que tudo vai depender do seu salário e padrão de vida aí no Brasil. Apesar de a média salarial de todos os trabalhadores ser de 22 mil euros por ano, ela é de apenas 11 mil € para quem tem menos de 25 anos e de 16 mil € para quem tem entre 25 e 29. Entre os latino-americanos de todas as idades ela cai para 14 mil por ano. Desde o início da crise, os salários caíram e o custo de vida subiu, porque alguns impostos subiram, já o aluguel ficou mais barato.

O custo de vida em Madrid é baixo se comparado com outras capitais europeias, como Paris ou Londres, e com as grandes cidades brasileiras. Aqui é possível viver com muito menos do que nessas cidades. Se você quiser saber mais sobre isso, escrevi um post sobre quanto custa morar em Madrid.

– Ok, já sei de tudo isso mas quero ir. O que você me recomenda? 

Primeiro, se você não tem um país ainda muito definido, eu diria para buscar outros países que oferecem mais possibilidades nesse momento, como Alemanha, Inglaterra ou EUA. Mas não recomendo ninguém a ir ilegalmente.

Se você quer vir trabalhar na Espanha, minhas dicas são:

– Planeje a viagem! Não tenha tanta pressa, estude, converse com pessoas que moram aqui e analise se vale a pena.
– Se ainda não conhece o país, venha antes como turista para descobrir se é o que você imagina e se é isso que você quer. Lembre-se: os próprios espanhóis têm saído daqui em busca de melhores oportunidades.
Aprenda espanhol antes de vir. Isso te ajudará muito, não só com trabalho, mas em tudo.
– Se você está estudando ou planeja seguir estudando, venha fazer uma pós na Espanha. O investimento é alto, mas você pode fazer um estágio e, quem saber, ser efetivado. Essa efetivação é difícil, mas pelo menos assim você já está dentro do mercado de trabalho e pode mostrar seu valor.
– Outra recomendação seria procurar emprego numa empresa espanhola que tem sede aí e, depois, tentar uma transferência.
– Se você é um profissional qualificado, saiba que é difícil conseguir um trabalho qualificado e um salário alto. Talvez você tenha que trabalhar em outras áreas, ganhando bem menos e não sendo reconhecido. Aí, cabe a você escolher o que é a sua prioridade!

Se você já tem experiência como trabalhador/a na Espanha e quiser deixar uma dica, fique à vontade.

Espero ter ajudado!

Related Post

431 Comentários em Dicas para quem quer trabalhar na Espanha: mercado de trabalho, salário, visto

  1. Ainda sim temos que tentar não é? Até Por que o Brasil não está nenhuma maravilha.
    Claro, sempre mantendo o pé no chão e sem nenhum deslumbre de achar que a Europa é um conto de fadas.

    Gosto muito das suas dicas mocinha, sempre dou uma passada aqui para ler.
    Beijão =]

    • Oi, Carlos

      Claro! O importante é fazer a decisão de vir ou não de maneira consciente, sabendo dos problemas e das vantagens. Que bom que o blog seja útil e tenha temas do seu interesse. Obrigada pelas visitas e pelo comentário. Esse feedback é muito bacana!

      Um abraço

      • Suria Mahmud Parra // 20/03/2016 em 9:47 pm // Responder

        Meu nome e suria sou cidadã espanhola e também brasileira tenho 58 anos e gostaria muito de conhecer meu outro país, com a idade que tenho que tipo de trabalho eu daria uma vez que tenho a cidadania espanhola.

        • Suria, como expliquei no post, a Espanha continua em um momento delicado. Claro que ter a nacionalidade ajuda, mas há outros fatores importantes com a fluência do idioma e a sua experiência/qualificação profissional. Também tem que pensar que, infelizmente, a idade pode ser um fator negativo na hora de procurar.

    • Oi
      Tô pensando ir pra Espanha em Barcelona, minha tia mora lá, mas eu tô fazendo técnico de enfermagem e só iria daqui a uns 2 anos… queria saber como é o mercado de trabalho pra quem é dessa área e se ganha bem. Obrigado!

  2. Olá Larissa, constantemente procuro na internet brasileiros que moram na Espanha, para conhecer as historias, saber sobre dicas, enfim… me ajudar um pouco a tomar uma decisão um tanto difícil, ir embora com meu namorado para a Espanha, digo difícil pois, por mais que eu esteja muito bem com ele, terei que abrir mão de um emprego estável aqui no Brasil e assim como você, outros que tentaram relatam que não é nada fácil começar a vida ai na Espanha.

    Anotei os prós e contras da minha decisão para que o relacionamento não seja afetado por uma decisão impensada, levando em conta a parte prática do assunto, apesar que nesta situação é bem complicado ser prático, já que as emoções acabam interferindo.

    Tenho ainda alguns meses pra pensar (6 mais ou menos), e decidir que rumo tomar, o lado bom da historia é que meu emprego me permite uma “pausa” que posso utilizar para ver como é, mas fico receosa do começo, pois provavelmente não moraremos na cidade dos pais, ou dos amigos dele e não quero ficar deslocada, pois sei que pesa muito o fato de ficarmos totalmente dependente de alguém, aqui no Brasil tenho minha família, meus amigos, meu emprego…
    Bem… qualquer ajuda é bem-vinda.

    Obrigada e parabéns pelo blog!

    • Oi, Herika! Tudo bem?
      Acho que a sua situação é bem vantajosa porque você tem a oportunidade de vir e “testar” sem perder seu emprego no Brasil. Só o fato de ter essa possibilidade já é um alívio bem grande. Como eu sempre digo aqui no blog, é importante saber o que você deseja para o seu futuro de forma geral: suas expectativas em relação à vida profissional, qualidade de vida, etc. Realmente ficar longe da família e dos amigos e, ainda por cima, estar sem trabalho é bem complicado, porque tudo de bom e ruim que acontece cai no relacionamento. Quando eu decidi ficar aqui, o começo também teve seus desafios, mas em certo sentido foi um bom teste para a relação com o meu namorado.
      O que eu te falo da minha experiência pessoal é: eu valorizo morar numa cidade grande, onde há uma ampla oferta cultural gratuita ou acessível, assim quando bate a tristeza, eu vou pro museu, vou pro parque, saio e vejo gente. Isso é muito importante pra minha saúde mental, rs! A outra coisa é: matricule-se num curso, mesmo que seja curtinho, para tentar fazer amigos. Isso ajuda muito!

      De resto, o que eu digo é: venha com o coração aberto para viver com pessoas de uma nova cultura, para aprender coisas novas e para curtir. Não fique pensando tanto no que está acontecendo no Brasil ou em como seria sua vida se você tivesse ficado porque senão você nunca vai curtir 100% a vida aqui. Boa sorte!!

      • Oi Larissa! Obrigada pelas dicas. Acredito que seja esse o pensamento mesmo.
        Dia 29/04 estarei ai em Madrid, estou de férias e ficarei 20 dias na Espanha, ficarei em Madrid até dia 02/05, pois no domingo iremos pra Zaragoza vistar os pais do meu namorado e passar o dia das mães.
        Podíamos marcar um café se você tiver disponibilidade.
        De qualquer forma obrigada de verdade, não sabe o quanto gostei do que escreveu, a vida é muito curta pra não tentarmos novas possibilidades! Se der tudo certo irei de coração aberto!
        Grande bjo!

        • Oi, Hérika! Me escreva e tentamos marcar algo: estoesmadridmadrid@gmail.com. Te desejo sorte, sucesso e mta felicidade para você e seu namorado!

          • Herber Jone // 09/07/2016 em 1:44 am //

            Ola sou soldador gostaria saber si é fácil arruma emprego na min
            ha ária. soldo eletrodos revestidos mag mig

          • Oi, Herber! Infelizmente esse setor ainda está só se recuperando da crise e para um estrangeiro é bem complicado, especialmente se você não tiver papéis nem contatos.

          • Vinicius Piola Duarte // 08/05/2017 em 3:34 pm //

            Oi , prazer sou o Vinicius e sou do brasil , estou cursando o 9º ano aqui mas penso muito em fazer um irtercanbio e acabar meus estudos aí e começar minha vida aí , quero fazer faculdade de arquitetura mais penso e fazer aí , ou fazer tudo aqui e depois ir para aí , olha estou muito perdido por favor me ajuda sou novo e ninguém da minha família me apoia mais preciso saber mais sobre isso espero que você me ajude ou me de algumas dicas ….

          • Oi, Vinicius! Tudo bem? Minha dica é: comece estudando espanhol e tente ir juntando dinheiro para poder vir estudar aqui, já que pode sair caro. Visite feiras de estudos e pense que ainda há bastante tempo para planejar sua vinda – e até lá bastante coisa pode mudar. Um abraço!

        • Olá! Estou passando pela mesma situação que você, Hérika! Tb tenho a possibilidade de deixar meu trabalho em stand by e testar a vida em Madrid!
          Como está a vida por aí? Fiquei curiosa! Rsrs!
          Larissa, gostei das dicas! Obrigada!

      • Olá Larissa! Adorei o seu post, muito obrigada pelas dicas!! e lendo os comentários, estou na mesma situação que a Herika… exceto pelo fato de que não tenho emprego..rs Espero que ela tenha tido sucesso na Espanha!! Estou pensando em mudar com o namorado para Barcelona, ele vai fixar a empresa dele lá com o sócio.. Eu sou recém formada em enfermagem e estou tentando conseguir minha dupla cidadania (holandesa e brasileira), mas tenho medo de não conseguir emprego lá, principalmente por ser recém formada e depois da estatística que vocÇe mostrou, fiquei com mais medo ainda…rsrs Você ainda mora na Espanha? Sabe me dizer se tem concurso público como aqui no Brasil? Se eu posso conseguir trabalho como enfermeira? Quero muito morar fora do Brasil, não só por conta do namorado, mas também para imergir em outra cultura, outra lingua, e também quero ter a segurança de uma estabilidade financeira e praticar minha profissão! Desde já agradeço!!

        • Oi, Margarida. Sim, ainda moro na Espanha e as coisas estão um pouco melhores que na época em que escrevi esse post, embora ainda estejam longe de estar bem. Aqui tem concurso público, mas não sei se qualquer pessoa pode fazer ou se é necessário ter a nacionalidade ou certo tempo de residência. Minha dica é: entre em sites de emprego para ir pesquisando e confira os editais de concurso para ver o que eles exigem. Um abraço e sorte!

    • Gostei. Mas achei muito pessimismo no ponto de vista…não disse uma sequer vantagem..será q não há mesmo?

      • Oi, Nilson! Claro que há vantagens. Se você consegue um trabalho na Espanha, você não precisa de muito para viver tranquilamente, já que o custo de vida é mais baixo e os serviços públicos, mais eficientes. O grande desafio é conseguir o emprego! 😉

        • Boa tarde.Entendi…bem a questão e o serviço mesmo né… Trabalho.minha cunhada mora em Madrid e eu e minha namorada estamos querendo ir p lá tentar ela como doméstica e eu sou enfermeiro,porém na minha área a MT burocracia.. Vou tentar serviço de cuidador particular..mas fko meio apreensivo.mas seu blog me ajudando muito colega.

    • Olá Larissa

      Estou muito grata pela pronta resposta. Vou me inteirar mais quando for a Madrid nas próximas férias.
      Gracias

  3. Não poderia descrever melhor a situação, menina! Obrigada mais uma vez!

  4. Oi Larissa,

    Vejo ofertas da área de informática e quando tem alguma informação de salário é apenas o bruto ano.

    Gostaria de saber se normalmente existe algum benefício como aqui no Brasil, por exemplo: Férias, Vale Refeição, Vale Transporte. Sei que isso varia de vaga para vaga, mas queria saber de uma maneira geral como é isso.

    Pelo que notei nos seus comentários você não é da área de informática, mas você conhece alguém que é e que possa me dar algumas dicas sobre a área?

    Obrigado.

    • Nelson,

      Tudo bem? Não conheço ninguém dessa área que possa te passar informações sobre isso. Um contrato de trabalho inclui férias, já o vale-refeição varia de acordo com a empresa e aqui não é comum pagar vale-transporte (em torno de 55 euros por mês na região A de Madrid).
      Quando colocam o salário-bruto anual, ele já costuma incluir o 13º salário, ou seja, você teria que pegar esse valor e dividir por 13.

      Sorte!

  5. Oi Larissa, cai de paraquedas no seu blog atrás de outro blog de língua portuguesa em Madrid vou adicionar esse post no meu blog, e indica-lo mesmo após ver que vc foi super grossa comigo recentemente pelo instagram apenas pq marquei as fotos minhas de Madrid 🙂 Eu morei em Madrid em 2009 e pretendo voltar em breve. Quando vejo reações como a sua no instagram eu penso: nossa que feio, tinha que ser brasileiro. E sabe por que ? Outros blogueiros do mundo inteiro nunca fizeram isso….enfim…..não tem necessidade entende ? bjss

    • Oi, Glaucia

      Uma pena que você tenha ficado com essa impressão. Pelo que eu te lembre, eu só pedi para que você não me etiquetasse mais nas suas fotos, porque, pra mim, etiquetar é quando realmente a outra pessoa aparece ou estava junto naquele momento. Eu fiquei chateada porque em nenhum momento você perguntou se estava ok me marcar em várias fotos e você nunca interagiu comigo, não curtia minhas fotos. Se você fosse uma pessoa que trocasse ideia por lá, não teria nenhum problema.
      Quanto ao fato de ser brasileiro, sinto muito que você tenha essa visão. Assim como existe brasileiros gente boa, existem aqueles que não são tanto e o mesmo acontece com estrangeiros.
      Obrigada por indicar o blog, apesar da sua percepção negativa.
      Um abraço!

  6. Oi Larissa,

    Desculpe o mal entendido, mas na verdade eu não troco idéia com ninguém pelo instagram, apenas estou repostando fotos e nem observo que curte ou não e nem fico mais ligada nisso (eu até interagida com as pessoas no meu antigo IG com fotos do mundo todo, um monte de seguidores etc até minha conta simplesmente sumir do ar e até hoje o aplicativo não conseguir me explicar o que aconteceu) e coloco hashtags e marco ou coloco na descrição alguns igs, como fiz com o seu 🙂 Mas não faço isso com a intenção de “chatear” ninguém e sim de divulgar as fotos daquele local para os seguidores de outras contas daquele mesma cidade. Enfim….foi isso só.
    Mas quanto ao que eu disse de “brasileiros”, eu vi com meus próprios olhos isso quando morei em Madrid, temos de ter muito cuidado com opiniões de outros brasileiros, pois nem sempre fazem comentários para nos ajudar e sim para botar uma pedra no caminho e dificultar as coisas para os conterrâneos….mas isso claro, não é particularidade só de brasileiros….como vc mesmo disse né.
    Enfim, estou amando seu blog e esta me ajudando muito, pois apesar de ter vivido 2009 em Madrid, suas informações são mais fresquinhas e atuais….e vão me ajudar no meu retorno.
    bjs

    • Oi, Glaucia

      Que bom que pudemos esclarecer o mal entendido, então 😉

      Com certeza, muita coisa mudou desde 2009, mas o fato de já ter morado aqui, com certeza ajuda muito! Espero que dê tudo certo no seu retorno. 🙂

  7. Olá,estou pensando seriamente em ir morar em Madri,só que 2 filhos um de 7 e outro 13,sou formada em fisioterapia, em janeiro de 2016 irei como turista pra poder conhecer um pouco,mas enfim tenho motivos concretos de querer tentar a vida em putro país em contra partida não faço a menor idéia como será a criação dos meninos lá,e se isso é possível,pois só vou se for legalmente,gostaria da ajuda e de dicas desse blog.
    Att
    Carla

  8. Ola cristina.
    Tudo bem?
    como eu faço pra fazer faculdade em madrid?

  9. Eu acho que blogs são importantes para informações turísticas, quando se trata de formalidades e preciso consultar sites oficiais dos países onde se deseja morar, estudar ou enfim….
    Percebo que nos blogs como disse a Gláucia, e muito acho, nem pensar, impossível, quando cada caso e um caso, para alguns e mais fácil, para outros não….
    Informem-se no Consulado Honorário da Espanha….

  10. Olá Larissa, tudo bem? Parabéns pelo blog, encontrei aleatoriamente pelo google e achei muito bacana você compartilhar de suas experiências. Gostaria de uma opinião sua. Já sei que não é fácil conseguir trabalho fora e se manter sozinh, Mas eu me inscrevi final do ano passado para uma bolsa integral para um MBA em Moda em Madrid. Recebi o retorno agora de que não consegui a bolsa integral, porém avaliaram meu currículo e estão me oferecendo uma oportunidade de bolsa com 50%. Estou feliz mas ao mesmo tempo com dúvida e medo, porque teria que me bancar lá fora. Eu teria que conseguir um emprego para me sustentar em Madrid. Você sabe como é o setor de Moda em Madrid? Me formei ano passado, mas ainda não tenho experiência em industrias de moda, mas já trabalhei na área de vendas em varias empresas de varejo reconhecidas. A escola que me ofertou a bolsa é a Esden Business School, você conhece? E em questão de trabalho, com visto de estudante, consigo trabalhar em Madrid? Obrigada desde já, e desculpe o imenso texto!

  11. Olá Larissa, tudo bem? Estou com uma grande duvida, se deixo o Brasil para poder morar na Espanha, Valencia. Minha sogra mora lá, a mais de 10 anos, a principio iriamos morar na casa dela, até que conseguimos algum trabalho, e assim depois alugar nosso canto e vivermos nossa vida, tenho um trabalho estável no Brasil, porém aqui é muito difícil de conquistar as coisas, e a qualidade de vida é muito ruim.
    Qual seria sua opinião sobre meu caso?

    • Oi, Andreso. Tudo bem e você? Se você está estabilizado no Brasil, não recomendaria vir porque aqui a situação econômica continua difícil. Se você tem um visto de trabalho, talvez você até pudesse arriscar, mas para vir sem visto e ficar ilegalmente acho BEM difícil. Um abraço!

      • Larissa, obrigado pelo retorno! Outra coisa, minha sogra tem um pequeno restaurante em Valencia, onde eu e minha esposa a principio iriamos tomar de conta, até que conseguimos o nosso trabalho, ainda assim você acha que não compensa deixar o Brasil?
        E minha esposa esta gravida, iriamos ter nossa filha na Espanha, e assim ganhar a cidadania, e podemos ficar legalmente, e fazer nossa vida na Espanha.
        Qual sua opinião?

        • Oi, Andreso. Mas vocês têm visto de trabalho? Porque se sua esposa está grávida e vocês estivessem aqui ilegal, não sei se ela poderia ter acesso à saúde pública. Também não sei se pelo fato de o filho nascer aqui vocês têm automaticamente a nacionalidade. Não acho que seja assim que funciona. É melhor se informar bem, talvez através de um advogado ou do consulado aí no Brasil, antes de embarcar para não ter surpresas desagradáveis. Um abraço!

  12. Oi Larissa, tudo bem?

    Eu aqui de novo rs…

    Concordo com vc quando vc fala de ir para a Espanha sem o visto de trabalho, nessas condições acredito que seja BEM difícil conseguir alguma coisa.

    Por outro lado, o Brasil está longe de estar bom, na verdade se olhar o cenário ele está entrando na tão famosa recessão.

    Inflação já voltou.

    A saúde (tanto pública, qto a particular) está ruim, o transporte público continua sendo uma piada e a nova moda é pintar as ruas de vermelho criando ciclofaixas, achando que o trabalhador vai sair da ZL e ir pra ZS de bicicleta, brincadeira né?

    A energia elétrica aumentou 83% em 2 anos temos tb a tal da “bandeira vermelha” que aumenta o valor do KW, e sábado está vindo mais 17% de aumento, isso sem contar o efeito cascata que esse aumento gera nos outros produtos e serviços.

    Aumentaram os impostos em importados 🙂

    Operação Lava a Jato, Renan Calheiros presidente do Senado.

    Em São Bernarrrrrdo (ênfase nos “r” rs) as montadoras estão demitindo a rodo pois as vendas cairam, carro popular por R$ 30.000,00

    É tanta coisa no Brasil que acho válido ter essa experiência na Espanha, acredito que será uma situação bem diferente, aqui no Brasil eu estaria melhor posicionado no mercado de trabalho, ganhando mais e gastando mto mais pelo tal do “custo Brasil”.

    Parabéns pelo seu blog, gosto muito de ler suas opiniões e dicas … 🙂

    Um abraço!

    • Oi, Nelson! Acho que temos visões diferentes em relação a algumas das coisas que você mencionou. As ciclovias, por exemplo, vejo como um grande avanço, tanto que aqui em Madrid existe um movimento que está crescendo bastante pedindo a implantação de soluções que permitam o uso da bicicleta como meio de transporte. Quanto à corrupção, ela é inegável, mas não pense que na Espanha a situação é muito diferente porque não é. Prova da insatisfação das pessoas com a política é o resultado das últimas eleições: em Madrid, o PP (direita) perdeu o poder depois de mais de 24 anos e os madrilenhos votaram em um partido de esquerda com poucos anos de existência porque já estavam de saco cheio da corrupção e da condução econômica. Como digo sempre, todos temos o direito de tentar a vida em outro lugar, mas é fundamental se informar bastante para não se arrepender. Sorte por aqui ou por aí!

      • Oi Larissa, sem problemas! 🙂

        As ciclovias são sim um avanço, mas não da forma que estão fazendo, tem ciclovia sendo feita com um poste no meio, ciclovia onde a avenida já é faixa simples, ciclovia em cima da calçada, sim acredite.

        Sem contar a outra ponta da história, a diferença é que SP não tem um bom transporte público, Madrid tem. A ciclovia em SP vem como “solução” pela incompetência do governo em criar a malha do metrô por exemplo.

        Sobre a eleição / corrupção é verdade, você tem razão, eu acompanho pois minha opção de voto é ai em Madrid.

        A partir do primeiro governo Dilma o Brasil começou uma descida ladeira abaixo.

        Sobre caminhos e escolhas, eu gosto da visão do Clóvis Barros Filho (professor e filósofo brasileiro), independente do caminho escolhido ele será difícil, com suas alegrias e tristezas: https://www.youtube.com/watch?v=YFkwVvpas0I

        Abraço e parabéns pelo blog 😉

  13. Boa tarde Larissa,

    Muito legal suas dicas sobre a Espanha, parabéns!

    Saberia me dizer se, para quem tem dupla cidadania a situação melhora um pouco na questão de emprego? Sou engenheiro formado. Nesta situação, como funciona o sistema de saúde pública, é bom? Teria direito a usar por possuir dupla cidadania?
    Mais uma pergunta, minha filha não possui cidadania, mas pretende conseguir morando um ano na Espanha. Sabe se nessa situação é mais fácil conseguir um visto?

    Desde já agradeço.

    • Oi, Luis. Ter a cidadania ajuda, é claro, mas não garante nada. O índice de desemprego entre os engenheiros espanhóis é altíssimo (lembre-se de que a crise começou na construção civil) e você teria que concorrer com todos eles. Você poderia usar a saúde pública, que é de boa qualidade, embora tenha caído bastante desde o início da crise.
      Sobre sua família, ela provavelmente poderia pegar um visto de familiar de residente, mas recomendo que busque informação diretamente no consulado porque essa parte burocrática é sempre complicada.
      Um abraço!

  14. Oii
    Tenho algumas amigas em outros lugares da europa pintando unhas e ganhando um dinheiro
    No caso de trabalhar como manicure apenas indo na casa da pessoa seria ilegal tambem?
    Teria que pagar essa multa (de quanto deria o valor)?
    E seria somente a multa ou teria outra penalidade, como mandar de volta pro Brasil e não poder mais voltar?

    • Oi, Fernanda. Isso é ilegal, embora seja mais difícil te descobrirem. Imagino que tenha multa, mas não posso te dizer com certeza – nem o valor. O melhor seria falar com um advogado.

  15. Oi Larissa. Parabens e obrigado por compartilhar sua experiências. Eu acabei de receber uma oferta de trabalho em Madrid mas ainda estou pensando muito se aceito. Eu tenho um serviço bom no Brasil, concursado. Mas a situação que a gente vive no dia a dia é complicada. Sempre com aquela sensação de insegurança e também de pagar a metade do salário em impostos que não retornam e só servem para esquemas de corrupção. Gostaria de sua opinião sobre o que você faria na minha situação. Obrigado mais uma vez.

    • Wilto, é muito difícil aconselhar alguém sobre algo tão grande, ainda mais sem conhecê-lo nem saber seu estilo de vida. Acho que se a proposta é bacana e você não tem nada que lhe prenda no Brasil nesse momento, pode ser uma boa oportunidade, mas isso vai depender do que você aspira, do seu salário aqui, do seu salário no Brasil, da sua família… espero que você acerte na decisão!

  16. Boa noite, primeiramente meu espanhol é bem básico. Aqui no Brasil tenho uma loja de informática de assistência e comércio de produtos de informática e me dou bem nessa área, gostaria de saber como é o mercado ai. Tem espaço para mais um e teria serviço de assistência por aí? No caso planejo ir com minha namorada ela tem nacionalidade espanhola e por isso optamos pela Espanha… Caso fôssemos vc tem uma ideia de qual seria o gasto inicial com aluguel carro comida… ? Qual a melhor opção ir com visto de turista? Ouvi dizer que só tenho direito a nacionalidade depois de 1 ano de casado com ela, esse tempo conta o q tenho aqui no Brasil ou somente se eu casar na Espanha?

    • Oi, Cleiton. Conforme eu venho dizendo por aqui, a situação ainda está difícil e há muito desemprego e, consequentemente, muita concorrência, inclusive nessa área. Os gastos dependem um pouco do estilo de vocês. Se vocês moram numa cidade grande, provavelmente vocês não precisam de carro no início. Se você vier com visto de turista, você ficará ilegalmente e aí é bem complicado arrumar um emprego. Sobre a nacionalidade, você teria que residir aqui um ano (estando casado com sua namorada) para poder pedir a nacionalidade.

  17. Boa tarde Larissa.
    Tudo bem?
    Tira uma duvida,
    Conversando com um amigo no qual seu tio esta na Espanha, me informou que o governo paga para os filhos estudar e que dão muito valor para casais com filhos mesmo sendo de outro país.
    E verdade isso?

    • Oi, Mauro. Não é bem assim! As coisas já foram bem melhores no sentido de ajudas concedidas pelo governo, mas pioraram desde o início da crise. O governo não paga para seu filho estudar, ele pode subsidiar parte da mensalidade de uma escola privada – essas escolas subsidiadas são chamadas de “concertadas”. Na universidade, os estudantes podem tentar obter bolsas de estudo para não pagar os estudos (já que aqui a universidade pública é paga) e, em alguns casos, eles também recebem ajudas de custo. Famílias com renda muito baixas também podem receber ajudas, mas há que cumprir uma série de requisitos. Sobre o dinheiro para as famílias que têm filhos, isso existia e era uma forma do governo incentivar a natalidade, mas mudou em 2011. Ainda há ajudas, como eu mencionei, mas elas são para famílias com rendas muito baixas – e que residam legalmente no país. Recomendo olhar o site do governo espanhol e acessar essas informações: http://www.msssi.gob.es/ssi/familiasInfancia/ayudas/docs2013-14/GuiadeAyudSocialesServiciosFamilias2015.pdf

  18. Oi Larissa, tenho uma amiga na Espanha que está ilegal à dois meses, só que agora ela conseguiu uma pessoa que faz o contrato de trabalho para ela. Você sabe dizer se ela vai ter problemas na hora de sair, e de ir no consulado no Brasil para tirar o visto?

  19. João Paulo Belo // 11/08/2015 em 5:45 am // Responder

    Estou na Espanha vim visitar e consegui um emprego muito bom como faço agora sobre documentação ? Meu chefe disse que me dará visto de emprego

  20. Estou mmorando aqui, e preciso de trabalho, sei que seu blog ñ e sobre isso, sou cantor, trabalho tbm com informatica, pintura e jardim, se conhecer alguem me ajuda, obrigado!
    meu e-mail e cantorcaioborges@gmail.com pode ver meu trabalho tbm, https://www.youtube.com/watch?v=IP9uf2UGjHI Obrigado!

  21. Oi Larissa, adorei seu blog. Sou brasileiro e moro na Argentina e estou querendo ir morar em Madrid. Sou chef pastelero e trabalho com comida brasileira. Aqui na Argentina a comunidade brasileira é muito grande, mas o custo de vida aqui é muito alto, principalmente aluguel. Como é a comunidade brasileira aí em Madrid? Tem muitos lugares que fornecem comida brasileira? Faço salgados, bolos, tudo do Brasil. Obrigado!

  22. Oi por gentileza me emforme quantos ganha mais ou menos um pedreiro proficional que faz de tudo em óbra principalmente servisso fino?
    Eu trabalho por conta ja faz 5 anos aqui no Brasil entendo basico da linguagem espanhola , gostaria de saber quanto estao pagando para pedreiro diaria ou semana brigadao

  23. EU ESTOU QUERENDO DAR UM TEMPO DO BRASIL E TENTAR VIVER NA ESPANHA PARA TRABALHAR.
    COMO COMEÇAR !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  24. Rodson Figueiredo // 02/09/2015 em 5:16 am // Responder

    Muito bom o seu post’ Larissa. Gostei muito, cheguei a criar cenários e situações (sempre vitoriósos(as) é claro) meu maior sonho é ir embora do Brasil e continuar minhas especializações e me profissionalizar fora daq… Mas, como você disse “tem-se que pensar direitinho e decidir o melhor e se determinar” realmente não é como um conto de fadas… Obrigadasso pelas suas dicas!

  25. Tharlyson lacerda // 02/09/2015 em 11:37 pm // Responder

    Oi sra. Larissa! Me ajude numa decisão que quero tomar mas antes quero saber se vai ser como estou planejando. Assim: minha esposa esta gestante com 3 meses e estamos com todos os documentos ok pronto para embarque e pretendo comprar logo a passagem primeiro a dela e manda-lá pra granollers aí na Espanha… Tenho minha prima morando e casada com um espanhol e ela ficará na residência deles é pretendo que ela tenha a crianca em solo espanhol…vc acha que meu filho ganha o direito de viver lá sendo também registrado em solo espanhol? E por ele nascer lá podemos também morar-mos? Estou com plano de montar uma oficina mecânica em granollers e viver até meu filho decidir quando adulto oque queres de sua vida… Enfim minha esposa vai primeiro e vou de depois que meu filho nascer até porque o custo sairá caro nos irmos juntos….meu filho vai ficar assegurado nascendo na Espanha? Preciso dessa dúvida urgente minha querida…tire toda minha dúvida blz…vou está a seu aguardo…abracos

    • Tharlyson, infelizmente não posso te ajudar porque não conheço ninguém que tenha passado por essa experiência. Todos os amigos brasileiros que tiveram filhos aqui estavam legalmente na Espanha. Em um caso tão complexo, recomendo que você consulte um advogado antes de tomar uma decisão e também recomendo que confirme se sua esposa teria direito à saúde pública estando aqui ilegalmente, porque se ela não tiver acesso e vocês não tiverem seguro, ela poderia ter problemas na hora do parto ou até mesmo depois no acompanhamento médico do bebê. O mais indicado é consultar um especialista! Abs

  26. Olá…sou manicure e meu esposo trabalha na nestle…. Estamos planejando morar na Espanha corunha no ano que vem….já começamos a fazer algumas coisas…temos um primo que foi morar na Espanha a 4 meses…ele e esposa já estão trabalhando..ela de secretária e ele de pintor…conseguiram em 2 meses..receberam ajuda em informações de uns conhecidos da mesma religião deles….e estão passando para nos toda a rotina deles lá…..e assim veio a ideia fixa de ir pra lá…será que teria alguma dica? Obrigada

    • Oi, Angelica! Acho que se você já tem alguém que mora aqui e pode te aconselhar e ajudar nesse sentido, você deve consultá-los. Da minha experiência aqui, eu não conheço ninguém que veio como turista e encontrou trabalho porque a situação está bem difícil ainda. Todas as dicas são essas que eu já coloquei no post, ou seja, eu particularmente não recomendo arriscar – mas talvez seu primo tenha uma experiência diferente e possa te ajudar com emprego e coisas do tipo. Espero que dê tudo certo! Um abraço

      • Sílvio César Pontes // 04/09/2015 em 1:09 pm // Responder

        Olá, Larissa!

        Parabéns pela coragem e pela colaboração aos nossos compatriotas.

        Gostaria se possível, que você me descrevesse sobre a empresa de saneamento aí na Espanha, teria o nome de alguma pra me indicar? Trabalho nesse segmento e gostaria de pesquisar essa área para tomar uma decisão em partir pra Espanha.

        Grato.

        • Oi, Silvio. Quem cuida dessa parte de água e saneamento na Comunidade de Madrid é a empresa Canal Isabel II, que é pública, mas pelo que vi no site deles, nem tudo é por concurso público. Dá uma olhada no site deles: https://www.canalgestion.es. Em outras partes da Espanha, não sei como funciona. Um abraço e sorte!

  27. Oi Larissa, tudo bom? Meu nome é Talita e estou analisando a possibilidade de ir para Espanha (mais precisamente para Santiago de Compostela), após concluir minha faculdade. Você saberia me informar o que é necessário para validar o meu diploma aí na Espanha ?

  28. Olá larissa primeiramente ótimo post adorei e o seguinte eu tenho um primo que mora aí ele veio aqui na minha casa e conversamos e tal ele me falou que realmente a coisa tá feia aí também disse que pra mulher e mais facil arrumar trabalho informal no caso pra homem tá mais difícil mesmo assim tô pensando em ir passar um tempo lá como turista e tentar arrumar um emprego ele me falou que lá os brasileiros têm uma rede de contatos pra brasileiros que chegam lá e estão procurando emprego me disse que ajudaria a conseguir um emprego mas eu tô meio assim de ir e não conseguir nada queria saber algumas informações tipo o preço do aluguel pra solteiro custo da comida transporte essas coisas se vc poder me informar agradeço Parabéns pelo site está ótimo Abraços

    • Oi, Hercules! Obrigada! Os custos para morar na Espanha variam de acordo com a cidade. Cidades grandes, como Madrid e Barcelona, costumam ter um custo elevado, enquanto as pequenas são mais baratas- mas também costuma ser mais difícil encontrar trabalho nelas. Eu diria que hoje em dia, em Madrid, o valor mínimo para sobreviver (ou seja, apertando MUITO e sem fazer excessos) seria de 500 euros por mês, dividindo apto. Esse outro post está um pouco desatualizado, mas dá para ter uma ideia: https://estoesmadridmadrid.com/2014/04/28/quanto-custa-morar-em-madrid/ Um abraço!

  29. Olá, bom dia! Obrigada pelo post e vou passar a seguir sua página, é muito informativa. Eu gostaria de saber se vc sabe quanto tempo demora para sair um visto de trabalho espanhol. Eu procurei em tantos lugares essa informação e nunca sabem nos dizer. No meu caso, eu já teria um emprego garantido em Madrid e a empresa está disposta a me levar. Eu gostaria de ter noção do quanto pode demorar. Obrigada 🙂

  30. Ola, eu tenho uma dúvida mais não é sobre o trabalho. É a questão da volta para o Brasil. Vim passa o verão em tarragona trabalhar ilegal em um bar. Me pagou diário 37€ e estou aqui a 7 meses sem papéis. Volto para o Brasil em outubro. Vou ter problemas na imigração quanto a volta?sabe me dizer ?

    • Oi, Henrique. Infelizmente não posso te ajudar com isso. Acredito que você não tenha problemas para embarcar para o Brasil, já que isso não teria sentido, mas talvez eles coloquem algo no seu passaporte que impeça sua entrada na Espanha caso vocÊ deseje voltar. Te aconselharia a procurar um advogado, caso pense em voltar à Espanha depois. Boa sorte!

    • Oi Henrique cara eu tenho passaporte, vc tem contato ou pode me chamar estou em Dublin, tenho 20 anos gostaria de saber umas coisas de quem viveu aí me chama no whats 011997583972 ou passa o seu por favor? obrigado abraços e fica com deus

  31. Oi gente. Morei durante 7 anos na Espanha. Morei ilegalmente e acabei tendo que retornar ao Brasil porque a crise foi feia! Minha mãe retornou a Espanha há alguns meses e até agora esta sobrevivendo de bicos. Ela esta ilegalmente em Madri. Minha vontade de voltar a Espanha é enorme, porém não o faço porque aqui no Brasil sou funcionário público e sei das dificuldades da Espanha. E olha que eu fiz meu ensino médio em Madrid e ja tenho vários contatos caso quisesse ir. Antes de ir vale a pena considerar se não é um valor muito alto largar tudo e ir ilegalmente ao país porque é muito provável que você fique um bom tempo sem emprego. Sem contar que para “los sin papeles” nas saídas de metro e trem pode haver fiscalização da policia nacional. Mas, para quem mesmo assim quer tentar a sorte, desejo toda a felicidade do mundo. É um país maravilhoso e eu, com um trabalho garantido, não pensaria duas vezes em ir. Um abraço e obrigado pelas dicas Larissa.

    • Robson, super obrigada pelo seu depoimento. Às vezes acho que as pessoas pensam que eu não quero que elas venham, mas não é nada disso. Quem vem tem que vir sabendo que ainda está difícil a situação e que pode ser que não dê certo ou que demore muito para dar certo. Espero que as coisas funcionem para você no Brasil! 😀

  32. Oi tudo bem? Meu nome é Patrick, tenho interesse de fazer um intercâmbio em uma universidade em Madrid, eu curso Farmácia e a princípio a universidade fornece moradia aos estudantes, a minha questão seria arranjar um estágio ou trabalho, o q vc me aconselha neste caso?

  33. OLá Larissa, parabéns pelo blog!! Tenho uma dúvida: estou me mudando para Madrid em janeiro para fazer pós-graduação. Irei com visto de estudante por um ano (junto com minha esposa). Assim que acabar o curso, caso eu consiga um emprego na Espanha, em que a empresa banque meu visto de trabalho ou NIE, minha esposa também terá um visto que permita que ela trabalhe? Super obrigado!!

    • Oi, Renato! Infelizmente não posso te ajudar porque não sei exatamente como funciona. Conheço uma amiga que veio a trabalho e o marido dela, brasileiro, tem um visto que permite trabalhar; mas não sei se todos os casos são assim. Um abraço!

  34. Fernando vinicius // 02/10/2015 em 11:52 pm // Responder

    ola larissa queria saber se vc poderia me ajudar em uma duvida eu tenho um contrato de trabalho mas conseguir depois que eu cheguei aqui. sera que vou ter que voltar no brasil de novo pra entrar com contrato de trabalho? se souber algo me avise agradesso muito

    • Oi, Fernando! Acredito que você não tenha que sair da Espanha e voltar, você pode fazer isso estando aqui. O ideal seria consultar o consulado do Brasil e/ou um advogado para que você possa ter sua permanência garantida enquanto faz os trâmites. Infelizmente, não sei como esse processo funciona. Um abraço!

  35. Ei Larissa, tudo bem?
    Gostei das suas dicas e queria uma opinião sobre o meu caso também, se não se importar, claro…
    Sou advogada e saí do escritório que eu trabalhava recentemente.. Como minha vida deu algumas reviravoltas, resolvi procurar uma passagem barata para viajar e encontrei pra Madri. Nunca fiz algo assim e foi tudo muito corrido… Então, estou indo como turista, sem visto. A princípio, vou ficar 15 dias, uma semana em Madri e uma em Barcelona.
    Mas tenho pensado em esticar por uns meses… A ideia não é mudar de vida, enriquecer e tal… É apenas ficar fora um tempo, trocar experiências, etc…
    Você já disse que pagam pouco e que é complicado um estrangeiro arrumar emprego principalmente sem visto de trabalho… Mas vc acha que existe possibilidade de eu arrumar uns bicos temporários só pra conseguir me manter por mais uns 3 meses na Espanha (seja nas grandes ou pequenas cidades)? Tem alguma dica em relação a isso?
    Obrigada!
    Winnie

    • Oi, Winnie! Tudo bem? Infelizmente está complicado também para bicos porque como o desemprego segue em alta, muita gente aqui tem feito isso, viver de bicos; e entre alguém que seja daqui e tenha os documentos e alguém que venha de fora e não tenha documentos, eles acabam preferindo os primeiros, claro. Não sei se nas cidades pequenas a situação é diferente. Um abraço!

  36. Olá Larissa. Pretendo viajar para Espanha como Turista em março/2016, porém, tenho interesse de fixar moradia juntamente com minha filha de 18 anos. Tenho uma renda atual no meu trabalho, aqui no Brasil, que equivale a 1.200 euros. Vou pedir a aposentadoria que manterá o mesmo valor pois sou funcionária pública. Minha dúvida ?? É possivel viver com essa quantia, inicialmente, pagando aluguel??

  37. Ola novamente. Gostaria que vc me informasse se àquele site SPOTAHOME é serio?? pois segundo uma pessoa de outro post não é aconselhavel pagar adiantado reserva de aluguel pois há casos de estelionatários. Também gostaria de saber se vc conhece alguém que desocupará algum studio até março/2016 pois preciso conseguir algo, inicialmente por três meses, a partir de 19/03/2016, por três meses, data em que o navio atracará nessa cidade. GRata.

  38. Olá Larissa.

    Adorei teu blog. Tenho cidadania espanhola e conheço Madrid como turista. Meu marido é engenheiro em Madrid e eu estou indo di 28 de outubro para uma experiência, pois sou advogada e economista e tenho uma vida politica bem ativa. Gostaria na verdade de poder conhecer um grupo de brasileiros que já residem aí para poder trocar idéias e até mesmo conhecer melhor Madrid. Valeu pelo teu Blog. Beijjos

    • Oi, Simone! Tudo bem? Infelizmente não conheço um grupo de brasileiros que se reúna especificamente com esses objetivos. Aliás, seria ótimo. Se você encontrar, volte aui pra me contar porque adoraria participar! Um beijo

  39. Olá Larissa, eu estou tentando encontrar uma informação, mas não consigo!
    Sou formado em Design de Moda e gostaria de saber sobre o procedimento de homologação ou alguma coisa que reconheça o meu diploma na Espanha(Barcelona)… Sendo que eu preciso ir para Itália, terminar o reconhecimento da cidadania italiana e assim que terminar irei morar na Espanha.
    Não quero fazer pós graduação na Espanha, pois pretendo fazer só uma especialização.
    O que eu faço? Estou totalmente perdido! Minha coordenadora disse que eu preciso ter o meu diploma convalidado. Desde já, obrigado!

  40. OLA, EU TENHO UMA IMENSA DUVIDA..RSRSR EU E MEU MARIDO PRETENDEMOS MORAR EM MADRID, PODERIA ME INFORMAR QUE, SE ELE TIVER CONTRATO DE TRABALHO EU E MEU FILHO PODEMOS DEPENDER DELE? TIPO REAGRUPAMENTO FAMILIAR..OBRIGADA

  41. Olá Larissa, estou pesquisando sobre morar na Espanha e achei seu blog. Amando ler…. kkk
    Bem, tenho muitas dúvidas! Me ajude um pouco!!! Tenho uma família de amigos que já moram há alguns anos na Espanha e sempre nos chamam pra morar lá tb. Falam muito bem do país. Eu sou casada e tenho três filhos, 10, 8 e 1 ano. Tenho medo, claro de arriscar com toda a minha família num lugar desconhecido. Porem essa família me garantiu total apoio e inclusive moradia. Aconselharam ao meu marido a fazer um curso de uma área que tem uma grande procura lá, porém muitos poucos profissionais. Inclusive um dos filhos desse casal tem uma pequena empresa que poderia o contratar, ele tendo esse curso. Eu sou fotógrafa e gostaria de saber se eu poderia trabalhar com isso lá (não tenho certificado, aprendi estudando sozinha). Claro, que iriamos certinhos, vamos correr atrás de visto e tal. Se for pra ir, quero que seja tudo certinho… ´Já estou vendo curso de espanhol pra toda minha família tb. Enfim, vc acha que seria uma boa eu tentar a vida na Espanha? Ah… meu marido foi dispensado do trabalho, por isso estamos pensando nisso, para aproveitar tb o dinheiro do FGTS.

    • Oi, Michelle!! Eu não gosto de dar conselhos porque cada situação é tão específica e morro de medo de recomendar algo que depois pode dar errado, embora sempre torça para que tudo dê certo, seja aqui ou aí. Vou falar da parte burocrática, que talvez possa te ajudar. Para vocês virem legalmente, ou vocês teriam que vir como estudantes ou seu marido teria que vir já contratado pela empresa. Ou seja, primeiro ele teria que fazer o tal curso. O problema é que esse processo é um pouco burocrático e a empresa teria que comprovar que não encontrou um profissional qualificado aqui para trabalhar nessa posição. Caso isso dê certo e o salário dele seja suficiente para manter sua família, acho que pode valer a pena. Sobre trabalhar como fotógrafa, aí depende um pouco de você fazer contatos e analisar se seria como autônoma ou dentro de uma empresa. Nos dois casos, a situação está difícil! Boa sorte!

  42. RAOUL GONCALVES MENDIZABAL OLANO // 29/10/2015 em 10:45 pm // Responder

    Olá Larissa, encontrei seu blog no momento certo. Tenho 20 anos e estou planejando esta transição para Madrid. Concluo a faculdade aqui no Brasil em 18 meses, justamente quando o contrato de aluguel de um apto. que herdamos ai na Espanha, expira. Ou seja, há a possibilidade de ter um lugar pra morar. Tive a oportunidade de também conhecer algumas cidades do país basco mas realmente minha dúvida é com relação a encontrar um emprego por ai. O fato de ter dupla-cidadania não ajuda em nada nessa crise? dei uma olhada nos posts anteriores e o ideal seria sair daqui com um emprego garantido ? Obrigado

    • Oi, Rauol. Ter a cidadania facilita, claro. CLaro que o melhor seria vir com o emprego garantido, mas isso é fundamental para quem não tem cidadania, porque vir com trabalho garante o visto. Pra você, que tem cidadania, é um pouco mais fácil, mas encontrar emprego vai depender da área em que vc quer trabalhar, se vc tem fluência no espanhol e de qtd vc está disposto a ganhar. A situação está complicada ainda e 20% da população está desempregada (entre os jovens, o número é mais alto), por isso o ideal é vir preparado para aguentar uns meses parado. Sorte!

  43. ola Boa dia adorei o Forun tenho uma duvida meu irmão esta na Espanha a 10 anos entro ilegal mais hoje ja esta legalizado e com emprego e agora decidiu montar uma empresa para ele ele pode me contratar ?
    com isso posso entrar na Espanha com visto de trabalho ? caso nao entao eu poderia pedir a reagrupação familiar ?

    • Oi, Carlos! Em teoria, seu irmão poderia te contratar, mas o processo é burocrático e ele teria que comprovar que não encontrou ninguém que resida legalmente na Espanha e esteja capacitado para o cargo. Caso ele consiga isso, a empresa dele poderia tramitar um visto de trabalho para você. A reagrupação familiar não é válida para irmãos, apenas para filhos, conjuges e pais do residente que tenham mais de 65 anos.

  44. Rooderson Martines de Andrade // 02/11/2015 em 3:21 am // Responder

    Boa noite, sou engenherio eletricista e especialista em engenheiro de segurança do trabalho, estou com intuito de ir para a espanha, teria alguma dica ou algo a me orientar em relação ao mercado de trabalho para a area de engenharia.

    • Oi, Rooderson. O mercado espanhol ainda sente a crise. A dificuldade, nesse caso, reside principalmente no fato de não ter um visto de trabalho ou a cidadania, porque nesse caso a empresa teria que demonstrar que não encontrou um profissional qualificado aqui para atuar no cargo. Minha dica é ir procurando pela internet para ver se há sorte e alguma empresa se interessa pelo seu CV e topa te contratar e fazer esses trâmites do visto.

  45. Bom dia me ofereceram um trabalho na Espanha mais sem o visto de trabalho sera que vale apena tenho um primo que mora lá faz 15 anos

    • Antonio, eu não recomendaria a vir ilegalmente. E se você vem (gasta dinheiro com passagens e tudo mais) e chega aqui e a empresa muda de ideia?? Mas, claro, tudo vai depender da sua necessidade. Avalie colocando na balança!

  46. Bom dia, Larissa!
    Li seu post e todos os 102 comentários feitos, até hoje, sobre “Trabalhar na Espanha”. Gostei muito de seu posicionamento em todos eles. Nada contra, pelo contrário, só elogios. Muito sincera e honesta com os compatriotas.
    Sou um jovem com sabedoria de uma pessoa de 59 anos – não me sinto um velho -, como pude observar nos comentários do seu post.
    Deixei meu endereço do Linkedin para que conheça um pouco sobre meu lado profissional, se ajudar em suas colocações.
    Tenho dupla cidadania – sou ítalo-brasileiro por descendência. Não falo italiano, porém comunico-me em inglês e espanhol.
    Tenho um filho de 33 anos, vivendo na Espanha há 8 anos com a namorada espanhola, em Logroño, e empresa própria – Agência de Publicidade, constituída com colegas de trabalho, após o encerramento da empresa em que trabalhava com a crise. Não gostaria de envolvê-lo na minha possível decisão de ir viver na Espanha.
    Não tenho nenhum compromisso que me prenda ao Brasil.
    Já morei nos EUA, em intercâmbio e na Venezuela, a trabalho. Portanto, conheço parte dos desafios em viver em outro país.
    Quero recomeçar minha vida, em um outro país, grande produtor de vinhos, depois do final de meu aviso prévio agora em novembro/15, com o fechamento da área na empresa de engenharia civil em que trabalho há 8 anos.
    Aceito não ganhar muito dinheiro. Quero somente o necessário para viver e, eventualmente, economizar um pouco para o futuro. Busco qualidade de vida e trabalho na área vitivinícola que pode ser singelo.
    Não tenho necessidade em homologar meus diplomas.
    Entendo e aceito que você não quer se expor com comentários que podem não dar certo, porém considero sua opinião melhor do que qualquer outra por seu equilíbrio e por estar vivendo o dia a dia da Espanha.
    Por favor, gostaria que me respondesse algumas dúvidas que restaram. Na sua opinião:

    1. Qual a melhor e a pior época/mês para mudar-me para a Espanha nos primeiros meses? Não importo me com frio ou calor.
    2. Qual a melhor região para se viver dignamente entre as 17 comunidades autônomas da Espanha? Prefiro viver numa cidade pequena.
    3. Quais as facilidades eu encontraria, como cidadão europeu, engenheiro agrônomo formado em 1979, com pós graduação em administração e recém formado sommelier para trabalhar na zona rural com a produção de vinhos?
    4. Qual o salário mínimo da Espanha para um cidadão europeu sem experiência profissional espanhola?
    5. Quanto tempo você estima – baseado no seu conhecimento – para se obter um emprego em minhas condições?

    Se souber algo mais que não foi comentado no post e puder me ajudar, agradeço! Desculpe-me pelo longo comentário.

    Muito obrigado por colocar seu tempo à disposição. Agradeço de coração.

    • Dante, é BEM difícil opinar, porque é algo muito específico! Vou dizer a minha opinão em relação a alguns aspectos que você comentou.

      1. Não recomendaria vir em julho/agosto, porque o país para! É uma época difícil para procurar emprego, para fazer cttos…mas não sei como funciona para vinícolas!
      2. Provavelmente recomendaria o norte do país, Asturias, País Vasco, Navarra ou Rioja.
      3. Não tenho nem ideia. Já pensou em tentar em ctto com empresas e/ou associações antes de vir?
      4. Difícil falar de salário. Hoje grande parte da população é “mileurista”, ou seja, ganha cerca de mil euros. Oficialmente, o salário mínimo éde 648 euros.
      5. Vai depender de muita coisa, inclusive de sorte, mas principalmente da área. Eu, por exemplo, ainda não consegui um trabalho com salário similar ao que eu ganhava no Brasil há 4 anos.

      Um abraço!

  47. Moisés Teles de Medeiros // 06/11/2015 em 2:27 am // Responder

    Oi Larissa, tudo bem?
    Quando era mais novo era vislumbrado pela hipótese de morar no estrangeiro devido as ditas do povo, de alguém que foi ou que conheceu ‘fulano’ que foi embora do Brasil e se deu muito bem. Enfim, meu pensamento foi desenhado por isso dos 21 aos 24 anos. Hoje estou com 36, adquiri muita experiência de vida. Depois dos 24 descartei a possibilidade de ir embora, mas ressuscitei agora, com outra mente a vontade de ir labutar na Espanha pela necessidade. Há 4 anos atrás corri atrás da cidadania espanhola sem a pretensão de ir naquele momento, e minha mãe adquiriu. Vi alguns artigos que filhos com pais com cidadania podem recorrer a um tipo de procuração, tem outro nome, pra entrar legalmente no país. Você tem alguma informação ou experiência de alguém que passou por essa situação?
    Abraço

  48. Oi bem cesso em sair do Brasil pois aqui esta bem ruim mas gostaria de saber hoje a Espanha esta melhor para trabalho com a moeda em alta o trabalho vulto a crescer

    • Rodrigo, a situação na Espanha segue complicada e o índice de desemprego ainda é bem mais alto que no Brasil. Como comentei no post, não recomendo ninguém a vir tentar a sorte, principalmente se não tem documentos para residir legalmente aqui. Um abraço!

  49. ricardo de barros santos // 11/11/2015 em 5:09 pm // Responder

    Larrisa, trabalhei aqui no brasil numa empresa de seguranca chamada PROSEGUR sistemas de seguranca. A base da empresa e na ESPANHA. sera que eu conseguia um emprego na mesma empresa ai na ESPANHA: Mas preciso em BARCELONA.

    • Ricardo, é bem difícil conseguir um trabalho aqui na Espanha se você não tiver um visto que te permita trabalhar. Como expliquei no próprio post, a empresa teria que comprovar que não encontrou um profissional espanhol (ou que possa trabalhar na Espanha) e isso é bem difícil! Sobre as atualizações, meu blog é sobre Madrid e você pode assinar e receber todos os posts novos, mas não dá para selecionar por cidade.

  50. Olá Larissa, tudo bem?
    Tenho cidadania espanhola e falo fluente o idioma. Já estive na Espanha 3 vezes em diversas cidades e amei o país. Tenho muita familiaridade com a cultura. Sou psicóloga, 31 anos e trabalho ha 9 anos em RH. Atualmente tenho um emprego estável no Brasil e um salário bom, mas não estou feliz com minha carreira ainda, pois tenho vontade de crescer e o mercado aqui está difícil. Há 2 anos estou enviando currículos para empresas da Espanha, pois tenho vontade de ter uma experiência internacional de trabalho e hoje uma empresa entrou em contato comigo para uma entrevista no Skype apenas para avaliar meu perfil e verificar uma possibilidade de contratação. Porém, se der certo, terei que tomar uma decisão e sei que será difícil. Gostaria de saber se valeria a pena pedir demissão do meu trabalho, abrir mão do meu salário para ter uma experiência assim. Visto que não tenho muita noção do custo de vida e do salário que eles possam oferecer. Tenho vontade de fazer algo assim, mas tenho um certo medo, até porque não sou tão jovem assim. O que você acha?

    • Carolina, tudo bem? O mercado de trabalho espanhol segue num momento delicado e o índice de desemprego aqui é mais alto que no Brasil e os salários são, no geral, mais baixos. A vantagem é que aqui o custo de vida é mais baixo (sem fazer a conversão, claro!) e se vive com muito menos. Acho que se você gosta do país e já tem a nacionalidade e vontade de morar aqui, a única coisa que você deve avaliar é o salário. Se o salário for bom (e isso varia para cada um), acho que pode ser uma boa! Aqui no blog tem vários posts sobre morar em Madrid nos quais falo sobre custo de vida, preço de aluguel… talvez te ajude nesse aspecto. Sorte na decisão!

      • Oi Larissa, obrigada pelas suas informações. Vou ficar antenada em seu blog 🙂
        Hoje mesmo fiz uma entrevista por skype para trabalhar em uma consultoria de RH na Espanha e que por sinal, já tenho experiência nessa mesma empresa aqui no Brasil quando iniciei minha carreira. Não falamos sobre salário mas como ainda não é nada certo, vou aguardar o decorrer do processo seletivo. Você sabe me dizer se a forma de contratação daí é igual ao Brasil? Normalmente oferecem benefícios de VT, VR? O que me faz pensar realmente nessa possibilidade é a experiência de uma carreira internacional, de trabalhar em algo relacionado a minha área em outro país. Essa experiência valeria mais que o ganho salarial, você não acha?

        • Carolina, é que aí vai da experiência de cada um. Eu, pessoalmente, ainda não consegui uma colocação que me pagasse o equivalente ao que eu ganharia se estivesse no Brasil – e sei que aqui é difícil crescer porque o espanhol não é minha primeira língua e isso é uma barreira na minha área. Normalmente, o salário aqui não tem VT e VR, diríamos que já está “embutido” no salário, mas pode haver outros benefícios, como 14º salário. Como eu disse, vai depender de você, dos seus objetivos e interesses! Um abraço!

  51. Jaqueline Gonçalves // 13/11/2015 em 11:09 am // Responder

    Olá, Larissa! Gostaria de saber como funciona os horários de trabalho aí, e quais cargos tem mais oportunidades de trabalho e uma condição de vida melhor… Obrigada

    • Jaqueline, aqui a jornada de trabalho mais comum é como no Brasil, de oito horas, com uma para almoço, começando normalmente às 9h. Nas cidades menores, os comércios e negócios fecham no horário da siesta, então o horário de trabalho fica dividido, sendo das 9h às 14h e das 17h às 20h normalmente. A situação segue delicada no mercado de trabalho e é difícil falar de cargos. O setor que mais emprega na Espanha é o de serviços (com destaque para hotéis, restaurantes e tudo que seja relacionado ao turismo). Um abraço!

  52. So pra dar um ponto de vista: usem os vossos pontos fortes! Em Espanha escasseiam os profissionais que dominem o Inglês ( escrito mas acima de tudo falado). E TMB profissionais qualificados como engenheiros por exemplo. Eu arranjei emprego no 1 CV que enviei, tive sorte! Vivo na Catalunha. Boa sorte

    • Sem dúvida, Marisa. É importante usar os diferenciais que temos. Você já tinha autorização para trabalhar no país?

  53. Olá pessoal!
    Vivi na Espanha entre 2004 a 207 e já não era uma maravilha! Claro que temos mais segurança e outros mais, más sem um emprego certo não adianta ir!
    No Brasil está muito difícil levar a vida mesmo! más ainda assim é o seu pais! Lá fora você vai enfrentar tudo que enfrenta a qui hoje, más terá a discriminação dos espanhóis, trapaças de muitos que vão dizer te ajudar e no fundo vão te ferrar e tudo mais!
    Uma das primeira coisas que meu chefe me disse quando cheguei na Espanha foi: Cuidado com os Brasileiros que vivem aqui! Realmente ele estava certo! Brasileiro não irá te ajudar la fora, e se você vier a se da bem por lá, o próprio Brasileiro por inveja vai arrumar alguma coisa para te prejudicar! Fiquem atentos!!! Abraços a todos e boas escolhas.

    • Juarez, realmente as coisas estão difíceis, mas em relação ao que você falou sobre os brasileiros, eu discordo. Há brasileiros bacanas e nem tanto, como em qualquer parte do mundo. Tenho amigos brasileiros aqui e que estão dispostos a ajudar.

  54. Olá Larissa.
    Garota você é 10, e quero todas as suas dicas.
    Estou com planos para passar na Espanha. Tenho um irmão que mora em Barcelona e já acho isso uma vantagem.
    Mas tenho medo, sou uma pessoa ansiosa e quero os acontecimentos logo muito rápido. Meu irmã só se legalizou na Espanha após ter se casado com uma espanhola. MAS EU NÃO QUERO CASAR!!! Que outras formas há de ficar de forma legal na Espanha? Estudando? Trabalhando? Escondido? (não né) kk Enfim. Dicas por favor !! Um beijo

    • Oie, Leia! As possibilidades são essas que você mencionou: vir para estudar (nesse caso te concedem um visto de no máximo um ano e você tem que renovar todos os anos, desde que siga estudando) ou a trabalho. Boa sorte e obrigada pelo carinhO!

  55. Oi Larissa,
    casei no Brasil com um brasileiro com cidadania europeia (espanhola). Ele morava aí em Madrid. Tenho visto em muitos lugares falando que se der entrada na cidadania (no meu caso) em Madrid, a demora para uma cita é de mais de 1 ano.
    O que eu queria que vc me explicasse, se souber, é que se a gente for morar aí, se podemos ir morar em Madrid, mas dar entrada nos documentos em uma cidadezinha pequena para ver se sai mais rapido.
    A minha vontade é ir morar em Gijon hahahahaha mas, não depende só de mim né rs
    Se tiver alguma diga para dar entrada e receber a cidadania mais rapido, te agradeço.
    Adorei seu blog… bjs

    • Oi, Karina! Tudo bem? Se você é casada com um espanhol, você primeiro tem que residir legalmente um ano na Espanha (exceto se o seu casamento foi antes de 75), como escrevi aqui: https://www.estoesmadridmadrid.com/2015/09/10/nacionalidade-espanhola/. Uma amiga pediu cita em setembro e deram para abril, mas isso foi antes que mudassem as regras e parece que agora os trâmites estão parados em todo o país. Não sei se em cidades menores costuma ser mais rápido, por isso recomendo entrar em contato com um advogado. Um abraço e obrigada pelo comentário!

  56. luiz valdir gibertoni junior // 06/12/2015 em 6:23 pm // Responder

    boa noite tenho dupla cidadania e minha familia ainda nao tem,tenho italiana e vim com a familia morar na espanha (to em salou)como faco ou onde vou pra da entrada no visto da minha familia aqui na espanha obrigado pela futura ajuda

  57. Maria de Fátima // 07/12/2015 em 11:48 am // Responder

    Bom dia, sou brasileira, morei em Portugal durante 03 anos, fui casada com um português que faleceu, tenho cartão de residência na UE, no Brasil tenho nível superior, sou funcionária pública na área administrativa, caso eu vá morar em Barcelona, seria difícil trabalhar na área administrativa legalizada? Quando morei em Portugal, cuidava de idosos…

    • Oi, Maria de Fátima. Se você tem residência, fica mais fácil, mas as coisas aqui ainda estão complicadas e é claro que eles dão preferência aos locais. Além disso, você teria que falar espanhol e/ou catalão fluentemente. Boa sorte!

  58. Larissa, qual o nivel de deportaçao atualmente para brasileiros que vão como turistas? A passagem de volta deve ter a data de retorno? Vc acha que em 2016 a Espanha estará melhor economicamente?
    Obrigada??

    • Oi, France! Não sei qual é o índice de deportação atual, mas esse caiu significativamente desde que o Brasil passou a aplicar a lei de reciprocidade. A passagem de volta deve ter data. A Espanha vem se recuperando lentamente, não tenho como prever, mas se a tendência se mantiver, as coisas estarão levemente melhores em 2016. Um abraço!

  59. Olá Larissa! Gostei muito de sua página
    Hoje resido no Brasil em Sjc ! Tenho uma pequena empresa de Prestação de Serviços na área de Refrigeracao – Ar condicionado – Eletrica – meio anseio em tentar a mudança para Espanha , seria devido ao um amigo chegado que mora em Getafe e trabalha como construtor !!
    Sabendo um pouco dos imprevistos que podem ocorrer , mas pretendo buscar algo profissional ou tentar visto como funcionário de empresa do Ramo ! Porém tenho 3 filhos e esposa ou seja pessoas dependentes !!
    De início minha ideia seria buscar esta vaga e depois dando certo o planejado , levar minha galera !!
    Ou seja são muito desafios e não poucos !!

    Mas obrigado pelas dicas Larissa

    • Oi, Adilson! Obrigada pelo carinho. Adoro SJC! Espero que seu projeto dê certo. Boa sorte para você e sua família! Um abraço

  60. Olá parabéns pelo blog, assim tenho 19 anos tenho passaporte espanhol estou morando aqui na Irlanda – Dublin, o frio aqui é muito rigoroso estou a 2 meses aqui, estou pensando no futuro em 2016 quem sabe na metade do ano ir para essa sua cidade. Te acompanho no blog mais a primeira vez que estou comentando com vc, tipo tinha uma vida boa no Brasil com meus país , mais quis sair do conforto , eu não tenho faculdade apenas ensino médio , e estou trabalhando como kitchen porter aqui e consigo tirar 1600 por mês trabalhando o mínimo 40h semanais, queria saber se por eu ter passaporte espanhol e ser “cidadão” eu iria conseguir arrumar um emprego nessa área, ou em outro lugar assim , tipo cleaner essas coisas. e quanto eu iria receber , sei que o salario mínimo é baixo mais vc acha que eu iria conseguir tirar pelo menos uns 1000 euros? e daria para alugar um Apt de um quarto, se alimentar , e viver aí com o salário mínimo ? Obrigado fique com Deus e vamos que vamos

    • Renan, com o passaporte fica mais fácil, mas não dá para garantir. No entanto, você tem sorte porque o setor de turismo (hotéis e restaurantes) é dos que mais costumam abrir vagas. Mas não espere ganhar mais de 1.200 euros por mês, uma quantia que dá para viver – sem luxo, claro!

  61. Richardso David // 28/12/2015 em 5:23 am // Responder

    Olá Larissa tudo bem? olha sou Bombeiro e Tec. em enfermagem aqui no Brasil, sabes me informar se há vagas para brasileiro na área de saúde aí na Espanha? se tem validade os cursos feitos aqui no Brasil? tenho uma amiga morando aí que me convidou para ir conhecer aí e quem sabe tentar um trabalho na área será que é possível? tem algum meio de obter informações sobre essa área aí na Espanha?

    • Oi, Richardson. Tudo bem e você? Tanto para bombeiro como para enfermeiros, a maior parte das vagas é pública, ou seja, tem que prestar concurso e para isso é preciso ter a nacionalidade espanhola ou ser cidadão da UE. Em 2014, o índice de desemprego entre pessoas da área da saúde era de 12%, por isso digo que a situação ainda é complicada e que, se você não tem um visto de trabalho, é BEM difícil. Não conheço esse setor, por isso não posso te recomendar nenhum site específico.

  62. Larissa,

    Obrigada por todas as dicas,
    Sou maquiadora, trabalho com cosméticos e Beleza em geral.
    Sabes me dizer a Quantas anda esse ramo por ai?

    Um abraço!

    • Juliana, da minha percepção pessoal, esse é um setor importante, mas não tão forte quanto no Brasil. Aqui, as mulheres não têm o costume de fazer as unhas todas as semanas ou ir ao salão com tanta frequência para fazer escova, por exemplo. Por outro lado, há muita gente que trabalha na informalidade, atendendo em casa, mas aí depende muito dos seus cttos. Eu não recomendo ninguém a vir sem trabalho porque a situação ainda está difícil. Um abraço.

  63. Ola a todos, eu sou aposentado e pretendo viver fora do Brasil que esta em plena guerra civil, mas devido a imensidão que e este país, pouco se fala sobre o assunto que e grave , como tenho 52 anos pretendo viver em um país onde nenhum menor desprotegido der um tiro em minha cabeça para pegar um relógio, portanto aconselho a todos principalmente quem tem de 19 anos em diante que tentem não desistam, conheci a Espanha em 2 viagem e e muito bom viver na Espanha, como diz um outro blog, melhor viver na Espanha em crise do que no Brasil em desenvolvimento, uma excelente dica que deixo aqui e sobre o idioma, nos procuramos todas as escolas e. Acreditem achei um professor muito honesto no YouTube, Joaquim Angel, fiz todo o curso com ele e fomos para espnah ajudou muito,,,
    Pode falar que foi o Wagner qque indicou.
    Valeu
    Gracias

  64. Wilson Bautista // 29/12/2015 em 5:05 pm // Responder

    Olá Larissa,navegando web sobre Espanha,encontre teu blog; parabéns por dedicar seu tempo/experiência con nossostro brazucas.
    depois de ler seus post,perguntas,comentários e respostas(qta.paciência com mesmas dúvidas já respondidas),firmei mais a decisão
    de ir pra Valencia; lá temos casal amigos pra ajudar no início ; tenho dupla cidadania(consegui como neto de espanhol),estou desempregado
    como profissional da área Petroquímica,minha esposa é área enfermagem.Sei das dificuldades que encontraremos,estamos dispostos a tentar melhor
    sorte…estamos planejando ir no segundo sem.2016. Vou continuar seguindo seu blog pra me manter atualizado com informações vindo dai.
    Sucesso pra vc e um Maravilhoso Ano Novo !!!!

    • Wilson, ganhei o dia com teu comentário! Desejo a você e à sua família um ano de muito sucesso em Valência! Acho que o espírito é esse: pesquisar e vir preparado para os desafios! Um abraço e obrigada pelo comentário 😀

  65. Maurício Menezes // 03/01/2016 em 1:25 am // Responder

    Oi Larissa!

    A ideia do seu blog é mega bacana! pesquisei um pouco e li que seu um casal de turistas (3 meses) ou até mesmo imigrantes ilegais tiverem um filho na Espanha, os pais (pai e mãe) ganham vistos e podem morar, criar seu filho de forma legal no país.

    Quero saber se esta informação não só procede, mas também se há muita burocracia pra conseguir? E se conhece alguém que se legalizou desta forma?

    Desde já agradeço!

    • Oi, Maurício! Tudo bem? Esse tema é bem complicado e não conheço ninguém que tenha passado por essa situação, por isso recomendaria entrar em contato com um advogado especialista. Mas já antecipo que você deve encontrar muita burocracia no caminho! Um abraço!

  66. Oi Larissa,
    Minha situação é a seguinte, sou estudante e quando eu começar a faculdade queria estudar na Espanha, tenho parente lá e quero morar om eles… só que eu queria saber um jeito de morar pra lá pra sempre… Acho que com o visto de trabalho não é muito bom.

  67. Oii Larissa tudo bem?!
    EU MORO em Dublin,mas estou cansada desse Frio aqui e estava pensando em ir pra espanha estudar espanhol e trabalhar.
    Você acha que vale a Pena? EU ja visitei a espanha e amei,mas meu único receio é nao encontrar trabalho :\.
    Aqui em Dublin eu trabalho e estudomas meu visto vence em março desse ano.Eu nao queri voltar pro Brasil agora.

    • Oi, Daniela! Realmente está difñicil encontrar trabalho e eu não recomendaria a ninguém vir para contando com isso, especialmente se não tem um visto de trabalho. Infelizmente, a situação ainda é complicada. Um abraço!

    • eai ainda esta pela europa? tenho pensado em ir morar na europa , e estou atras de informações de pessoas que ja moraram la ou moram pra poder compartilhar experiencias e ideias!! se possivel meu email é gfgaspar88@gmail.com! fico grato se quiser compartilhar informaçoes comigo!!

  68. boa tarde ! tenho imensa vontade de trabalha na espanha, trabalho no ramo de mineração. algum contato de empresa que trabalhe nesse ramo ?

  69. Acho engraçado se não tá bom porque ainda está aí pessoa???? Volta para o Brasil e de preferência para o Rio de Janeiro que continua Lindo!!! SUS perfeito! Transporte sensacional! Educação no Brasil está quase igual da Europa, livros são baratos!
    “Porca miséria”!!!! Afffff!
    Gente me desculpe mas esses blogs só atrapalha porque a gente joga no google pesquisa buscando órgãos sérios e qualificados e cai nessas redes de conversas de comadre!Para quem quer algo de verdade só tem uma dica: FOCO, DETERMINAÇÃO E HUMILDADE! Não há lugar no Mundo que você chega chegando! Tudo ao seu tempo, tudo se planta e depois colhe!
    E pra quem acha que não está bom onde está residindo não precisa ficar relatando para o mundo, basta arregaçar as mangas e partir!

    • Cris, eu estou aqui exatamente porque tive tudo isso que você mencionou: foco, determinação e humildade. Mesmo com anos de experiência, voltei a ser estagiária e fui estagiária durante mais de dois anos. Agora estou colhendo o que plantei! O que eu digo no post é que conseguir um trabalho legalmente na Espanha sem ter documentos é difícil e que, por incrível que pareça, o índice de desemprego aqui ainda é mais alto que no Brasil. Nesse post, eu não mencionei qualidade de vida (educação, saúde), mas você pode encontrar outros posts sobre esses assuntos aqui no blog. Acho importante compartilhar minha visão pessoal, já que esse é um blog pessoal, mas na internet você pode encontrar vários outros meios de se informar sobre a vida na Espanha.

  70. Morei quase 6 anos na Espanha , e vi uma Espanha onde quem tem força de vontade determinação , criatividade e a umildade de pedir ajuda alguns brasileiros que estam ai conseguem sim ser bem sucedido, como eu fui, ate fazer a besteira de voltar pro Brasil por parentes, agora mim encontro em um pais onde a corrupção é normal, a criminalidade já fugiu do controle das autoridades, mulheres grávidas dando a luz na porta do hospital, cracolandia só mudando de endereço, gasolina à 5 reis kkkk na casa da Petrobras, gente isso aqui pode ser o melhor lugar do mundo, mas não posso fechar os olhos pra realidade do Brasil, se eu ganhar um salario de 1000 euros na Espanha eu passo o mês, e no Brasil passo necessidade, por isso estou voltando pra Espanha e se eu tiver que ir pra colheita de azeitonas lá eu estarei. Desculpa o desabafo gente mais estou muito envergonhado do que esta acontecendo com o Brasil de desordem e des progresso.

  71. Oi Larissa, tudo bom! Curti de montão o teu blog. Estou pensando em sair do Brasil para dar mais segurança para minha filha de 1 ano, pois as incertezas aqui cada dia esta mais latente. Gostei do teu blog porque mostra a realidade fora do Brasil, e já nos prepara para as dificuldades que enfrentaremos caso a decisão de ir se concretizar. Ninguém gosta de ouvir aquilo que não quer ouvir, ou seja, “é difícil”, “esta difícil”, mas como algumas pessoas disseram, é ter determinação. Se não der certo, o teu lar continua aqui, bom ou ruim, ele estará aqui. O importante é tentar, quebrar a cara, mas nunca se arrepender por não ter tentado. Boa sorte a todos que busca essa mudança. Se não deu certo, como dizem em Goiás,”bola pra frente que atráz vem gente”…rsrs. Um Grande abraço Larissa, parabéns mais uma vez pelo teu blog, e continue sendo verdadeira nas informações, mostrando que nem tudo são flores, mas que existem possibilidades.

  72. Oi Larissa, tudo bem? Parabéns pelo blog. Estou pensando em morar fora e pensei na Espanha. Mas sem idéia de qual cidade. Gostaria de um estilo de vida pacato, sossego e tirar um tempo pra autoconhecimento. Quer fugir do agito de trabalho, escola, casa, trânsito, violência. Penso em estudar espanhol sim e se rolar algum emprego legalizado seria interessante pra conhecer pessoas pois tenho uma graninha guardada pra me virar. O que vc sugere?

  73. Olá Larissa!
    Me chamo Soraia sou cidadã européia, estou cansada aqui do Brasil..tenho meu negócio próprio mas não está dando para continuar.
    Queria muito sua sinceridade. ..
    Pretendemos mudar para Barcelona, para viver sem essa loucura que está o Brasil.Sei que tds os lugares tem seus problemas mas estamos fadigado e queremos mudar um pouco.
    Viver e trabalhar em um outro local.
    Somente minha irmã não tem cidadania….me ajude por favor me orientando.
    Estamos decididos em fechar td aqui e irmos mas o problema é a residência de minha irmã.
    Queremos trabalhar em Barcelona.
    Mas vamos tds até o cachorro vamos levar.
    Por favor nos oriente.
    Bj.

    • Oi, Soraia! Não entendi se a sua dúvida é em relação à vinda da sua irmã ou não. Se você tem a nacionalidade porque tem ascedência europeia, sua irmã também teria direito (se ela também for parente da pessoa em questão, claro!). Se não, o que você poderia tentar, caso pretenda abrir a empresa na Espanha seria contratá-la. O problema é que dizem que é bem burocrático e pode ser demorado, além deles dizerem que não. Não sei como são os trâmites, por isso recomendaria que você entrasse em contato com uma consultoria especializada. Um abraço!

  74. Olá Larissa, tudo bem?
    Sou produtor de eventos no Brasil, tenho uma pequena empresa e adquiri cidadania recentemente. Sou casado e temos 2 filhos (11 e 7 anos). Gostaria de saber se você tem alguma informação sobre colocação profissional no mercado de eventos para produtor/coordenador em feiras e eventos corporativos.
    Parabéns por seus posts e informações.
    Um abraço!

    • Oi, Fabio! Não conheço muito esse setor, por isso não posso falar muito. Como jornalista, já participei de alguns e acho que existem diferenças culturais importantes entre os dois países, por isso recomendo que você tente entrar em ctto com empresas do setor para saber um pouco mais ou até buscar empresas que tenham foco no Brasil, que talvez possam te orientar melhor. Um abraço!

  75. Olá Larissa !
    Como vai ?
    Sou cidadão Espanhol e meus filhos também.Estou pensando seriamente em mudar para a Espanha .Inicialmente pretendo ir com meu filho mais velho(23 anos).Meu filho vai tentar jogar futebol em algum Clube da Espanha ele tem condição para isto.Mas no inicio de nossa jornada preciso de um trabalho na Espanha para poder nos manter e com isso correr atrás do objetivo do meu filho.Após este inicio de batalha(vai dar certo tenho certeza disto) , pretendo levar minha mulher e mais dois filhos para irem morar definitivamente na Espanha.Você pode me falar alguma sobre esta possibilidade ?
    Agradeço desde já.

    • Miguel, com a nacionalidade fica muito mais fácil, mas tudo vai depender da cidade que você escolher, das suas expectativas salariais, do setor em que você trabalha. Eu recomendo pesquisar antes de tomar a decisão de vir para já ter algo garantido ao chegar, ou pelo menos para ir “sentindo” o mercado de trabalho. Um abraço!

  76. Oi Larissa, descobri seu blog agora e adorei. Sei que vc só sabe de Madrid, mas vc recomenda algum outro blog, ou tem contatos com brasileiros em Sevilla e Etc? Todos que eu vi estão muito antigos. Essa questão da dificuldade de emprego tá geral? Ou mais concentrados?
    Ps. Vc é um doce, respondeu a todos com muita classe, obrigada!

  77. Victor Lucena da Silva // 21/01/2016 em 11:17 am // Responder

    Minha esposa é neta de espanhol, então ele deve passar um ano legalmente para adquirir o passaporte espanhol.

    Ela pretende ir à Espanha para fazer uma pós graduação. Com ela comprovando o curso e nós sendo casados, terei direito ao visto de trabalho mesmo não tendo uma proposta de emprego antes de sair da Espanha?

    • Oi, Victor. Se ela vem como estudante, você não poderia trabalhar. Só depois que ela tirar o passaporte espanhol, você pode tirar o documento de familiar de comunitário e aí sim pode trabalhar.

  78. Olá,sou brasileira com nacionalidade portuguesa. Já morei na españa mas agora moro no Brasil. Quero voltar com meu marido que é brasileiro para Espanha. Qual é a burocracia? Eu posso residir sem ter problemas? E ele?

  79. Oi Lari, minha duvida é a seguinte: consegui o visto de trabalho, e agora? oq é preciso para passar na imigração, oq é preciso levar, documentos etc?

  80. Larissa
    Pretendo viver dois anos na Espanha, utilizando um visto de residente não remunerado…..vai comigo, a família !! Esposa e três filhos (5, 9 e 16 anos)….nesta situação, sabe me informar como funciona a questão de utilizar o sistema de saúde e de ensino para as crianças !? Poderemos usufruir ou terei de contratar todos os serviços privados ?!

    Tulio

  81. Ola boa noite eu ja morei na espanha tenho tarjeta de residencia e trabajo ela esta vencida agora quero volta trab na espanha o meu ex patrao quer mandar o contrato de trabalho para min e dificiu de conseguir legalizar aqui

    • Fabio, se a sua “tarjeta de residencia” era de “larga duración”, você pode renová-la aí no Brasil. Aqui você encontra as informações necessárias para fazer o trâmite. Já se era uma “tarjeta de residencia de corta duración”, acredito que você teria que buscar as informações com um advogado para saber como funciona a contratação de um estrangeiro por uma empresa espanhola… já me disseram que é um trâmite bem burocrático. Espero que o seu caso seja o primeiro, que parece ser mais fácil.

  82. Larissa, estou indo para Madri dia 29 de março, para tentar a vida, estudar e trabalhar, mas estou com um pouco de medo ainda. um pelo fato de não obter muitas respostas dos sites em que procuro quarto para alugar, e outra pelo fator emprego e de estar em um lugar onde você não conhece.
    Tem algumas dicas?

  83. OLa . eu li suas dicas e conselhos, e foram muito bons para formar uma opinião sobre ir morar na Espanha, em especial na catalunha, mas queria saber o mercado de trabalho para um advogado, pretendo me especializar em direito esportivo e falo um espanhol intermediário. Se puder responder diretamente no meu email agradeço. Muchas gracias por todo.

    • Oi, Thiago. Sinceramente esse é um mercado sobre o qual não posso falar porque não tenho amigos advogados por aqui. O que te recomendo é que tente entrar em ctto com grupos de brasileiros que residem na Catalunha para ver se alguém pode te dar uma dica em relação a isso. Abs!

  84. Olá, Larissa
    Parabéns pela iniciativa de trazer estas informações super importantes…
    Tenho uma duvida sobre o visto, li que posso ficar 6 meses (180dias) sem visto, porém se eu arrumar um emprego neste prazo consigo tirar o visto normal sem problemas?
    outra pergunta sou corretora de imoveis sabe me dizer se consigo um emprego mais fácil na área por já ter experiencia?

    Obg, bjos!

    • Michele, os brasileiros só podem ficar na Espanha sem visto durante 90 dias. Depois disso, ele é considerado ilegal e é muito difícil conseguir regularizar a situação, especialmente se for depender de emprego. Com venho dizendo, com o alto nível de desemprego entre espanhóis (21%), praticamente nenhuma empresa contrata um estrangeiro porque é muito burocrático. Infelizmente, mesmo tendo experiência a situação está difícil para quem não tem papéis.

  85. Fernanda Carolina Solla Lozano // 18/02/2016 em 3:34 pm // Responder

    Ola Larissa, boa tarde!!
    Agradeço as infos.

    Em março vou à Cartagena estudar espanhol por seis meses (com visto) e consequentemente procurar o documento do meu falecido avô (que nasceu em Murcia) para tentar uma cidadania.
    Uma vez eu li que na Espanha estudantes com 15 ou mais de 15 horas / aula por semana, pode vir a trabalhar meio período (como na Austrália, Dublin e Nova Zelandia).
    Você tem conhecimento se a informação procede?
    E referente aos trabalhos de garçonete ou prestação de serviços (manicure, dog walker, vendas autônomas etc), existe alguma possibilidade de conseguir para eu me manter esses 6 meses?
    Eu tenho a quantia para esse período, mas é sempre bom um trabalho. Afinal, se vou estudar só 3 horas por dia, oq vou fazer depois?
    Desde já agradeço a att ?

    • Oi, Fernanda! Tudo bem? Meus bisavós também eram de Múrcia! Na verdade, os estudantes brasileiros que estudam na Espanha (com visto de estudante) podem fazer estágio por até 20 horas na semana. Como é estágio, normalmente é válido para cursos de graduação ou pós e não tanto de idiomas. Falei sobre isso aqui: https://www.estoesmadridmadrid.com/2014/07/08/sou-estudante-em-madrid-posso-trabalhar/ Encontrar estágio pode ser relativamente fácil em grandes cidades, dependendo da sua área, mas normalmente paga bem pouco. Já empregos assim, eu acho bem mais difícil (só se forem informais, ou seja, sem contrato, mas ainda assim bem difícil). Um abraço!

  86. Alfredo Carvalho // 18/02/2016 em 6:47 pm // Responder

    Oi Larissa vc pode me dizer algo sobre trabalhar como DJ em Madrid, Barcelona ou mesmo nas praias como Ibiza, Benidorme, Maiorca, Menirca, enfim…?
    Agradeço tua atenção.

    ABS

    • Oi, Alfredo! Conheço esse setor só como “amante da balada”, não sei como funciona profissionalmente. O mercado é grande, mas a concorrência também! Sinto não poder ajudar mais. Um abraço!

  87. Olá, Larissa bom dia.
    Morei em Madri de 2006 a 2009 nesse período estava inlegal,porém nesse período nunca fiquei sem trabalho voltei para o Brasil
    devido á crise pois para meu marido começava a faltar trabalho,e por aqui parecia estar melhor.
    Bem contudo hoje vamos voltar pois se comparar as duas fazes que vivi ai foi bem melhor sem duvidas, só que desta vez vamos
    com documentos,no mês que vem vou pra Italia legalizar a minha dupla cidadania e depois no começo de maio mais ou menos pretendemos chegar ai na Espanha Madrid por já conhecer e ter alguma experiencia.
    Gostaria de saber se vc tem informação sobre á nacionalidade italiana,se realmente vou ficar legal ai na Espanha ou se tem alguma borocracia e quais seria? E o meu marido eu consigo com que ele fique legal também. E para finalizar com documentos é mais facil encontrar trabalho hoje?

    • Marcia, sem dúvida com documentos é muito mais fácil encontrar emprego que sem, mas isso não significa que seja fácil, porque o índice de desemprego ainda é bastante alto. Vai depender um pouco da área em que vocês buscam e dos salários que estão dispostos a aceitar. Com a nacionalidade italiana, você pode residir sem problemas na Espanha. A única coisa é que para trabalhar você precisar dar alta na Seguridade Social, mas isso é fácil é rápido. Sorte pra vocês!

  88. Olá Larissa. Tudo bem? Gostei muito de suas dicas e do seu blog. Acho que compartilhar informações úteis é sempre importante. Não sei se essa pergunta já foi feita, ou se você sabe a resposta, mas vamos lá…. A empresa que eu trabalho está deixando o Brasil e recebi uma proposta para trabalhar na sede em Barcelona. A empresa está tomando conta de todos os trâmites legais e estamos no aguardo da liberação do “permisso de trabajo” por parte do governo. A minha dúvida é, se me concederem o visto de trabalho, meu marido conseguiria um visto também? Que tipo de visto seria? Ele poderia se mudar no mesmo instante que eu ou teríamos que ir em períodos diferentes?

    Obrigada.

  89. Abiezer celso cardoso // 24/02/2016 em 11:49 pm // Responder

    Boa noite . você sabe me dizer o nome de alguma empresa que trabalha com gesso acartonado ai na espanha estou querendo ir trabalhar, mais queria ir ja com um emprego ja arrumado .

    • Oi, Abiezer. Não conheço nenhuma emrpesa dessa área, mas acho que procurando na internet, você encontra. O único problema é que esse setor (construção civil) foi o mais afetado pela crise, então é bem difícil para um estrangeiro que não tenha visto de trabalho conseguir ser contratado.

  90. Boa. Noite. Trabalho. NA area de confecao. Gostaria de morar NA Espanha planos de Abrir UMA pequena empresa NA area voce acha que tem chance e qua to tempo teria a residencia ja Moro NA Inglaterra mas gostaria de viver NA Espanha grata Lourdes.

    • Oi, Lourdes. Não sei como funciona a questão da residência para quem já mora na Inglaterra. Recomendo consultar um advogado porque é um assunto muito específico e certamente abrir um negócio aqui deve ser burocrático para um estrangeiro. Abs!

  91. Bom dia Larissa, te mandei um mail inbox
    Aguardo seu contato

  92. Boa tarde!! eu tô querendo ir finaldo ano ,trabalha de ppedreiro será que aí eu consigo? minha esposa trabalha na área de beleza, ela faz bronzeamento natural .

    • Oi, Elias! No próprio post, eu comentei sobre isso. Se vocês não tem um visto de trabalho, é MUITO difícil conseguir trabalho.

  93. luciana batista // 14/03/2016 em 10:53 pm // Responder

    ola, minha curiosidade e… tenho 34 anos e sou casada com espanhol, ele quer ir morar u m tempo em madrid e eu sou brasileira e gostaria de terminar meu ensino medio na espanha, gostaria de saber se o ensino medio da espanha serve para o brasil pois pretendo voltar apos concluir o ensino medio la.

  94. Olá, eu tenho uma vida difícil aqui no Brasil, não tenho mais família e eu estou de saco cheio de tudo aqui, e desde pequeno eu amo a Espanha, tenho dinheiro da passagem para ir e tudo, sou profissional na área de celulares e vendas. Mas queria trabalhar de qualquer coisa como garçom, etc…
    Será que é muito difícil de não se dar mal? Não quero ser rico, só não quero viver no Brasil mais e queria ter uma vida normal trabalhando e morando…

    • Oi, Lucas! No próprio post eu falei sobre isso. Para quem não tem documentos, é MUITO difícil conseguir trabalho, seja de garçom, pedreiro, manicure… A crise aqui ainda continua!

    • Boa tarde.
      Lucas TB estou vendo essas possibilidades p ir p lá.. Tenho uma irmã q mora emadrid..está ilegal ..o problema é só conseguir o trabalho.. Porém ela me relatou que há locais vários q preferem pessoas ilegai pois não pagam impostos coisa assim.do tipo.até dão preferências.porém volto a dizer tenta ver se consegue algum.trabalho antes coisa assim pq é assim q fazem boa sorte.seja otimista.

    • Só venha com expectativa de trabalho se tiver visto. Do contrário, como a Larissa já falou várias vezes, é muito difícil! Boa sorte!

  95. Boa tarde, Larissa!! Exite a possibilidade de entrar como estudante e em seguida conseguir o visto para trabalho??

    • Dalila, se você estiver como estudante e uma empresa quiser te contratar, ela pode tramitar o seu visto de trabalho. Não é fácil de acontecer e é um processo burocrático, por isso você tem que ser uma profissional extremamente qualificado. Abs!

  96. Rita de Cássia // 23/03/2016 em 2:44 pm // Responder

    Olá!
    Sou assistente social e técnica em agropecuária.
    Gostaria de saber se tem vagas para minha qualificação profissional e como faço para conseguir?
    Grata.

    • Oi, Rita! Não conheço esse setor, mas você pode ter uma ideia de como é procurando vagas nos sites que mencionei no post.

  97. Tamém achei o post um pouco pessimista, mas enfim, me ajudou mesmo assim! gracias!

  98. rafael ferreira // 30/03/2016 em 8:57 pm // Responder

    ola meu pai mora na espanha a 10 anos trabalha como motorista tem seu proprio caminhao conhece pessoasque tem transportadora, gostaria de saber se com o contrato de trabalho de motorista eu consigo visto de trabalho? se nao, teria como eu pegar o visto por ele estar morando la com visto de residencia ele se casou com uma espanhola e deu entrada na cidadania dele mas ainda nao foi chamado para a entrevista, eu tenho 32 anos

    • Rafael, se a transportadora te der um trabalho, você pode tirar um visto de trabalho. O problema é que ela tem que comprovar que não encontrou um espanhol ou estrangeiro residente legal que pudesse exercer o cargo, além de ter que comprovar que você tem a qualificação necessária. Isso é bem complicado e burocrático, infelizmente. Sobre seu pai, você só teria direito a pedir a nacionalidade depois que ele tiver, mas pode demorar a sair.

  99. Boa tarde Larissa,
    recebi uma proposta de emprego em Alicante-ESPANHA. Não sei ao certo, mas seria para trabalhar
    em um cruzeiro…você teria alguma informação sobre essa província da Espanha?
    muito obrigado

  100. Oi Larissa! Adorei seus posts.
    Tenho cidadania italiana e pretendo me mudar para Madrid até abr/2017 com meu namorido. Já recebi dicas para casarmos aqui no Brasil a fim de que ele receba o permesso de soggiorno. O custo de vida aí é realmente mais baixo que em Barcelona? Como é o processo para locação de um apto?
    Obrigada!

  101. Oii Larissa td bem?
    Vim a Espanha (sevilha) mas estou sozinho, gostaria de saber se ha brasileiros por perto..

    Obrigado

  102. Olá, adorei seu site.
    Tenho 35 anos, cidadania, formação e experiência (inclusive internacional) nas áreas de hotelaria (bar/restaurante) e de ensino de inglês (tenho toefl, mas estou vendo a possibilidade de tirar um outro certificado que vejo pedir mais aí). Falo Português, Inglês, Espanhol e um tanto de Francês. Sempre recebo muitos avisos de vagas nessas áreas, sei que o post é antigo, tu acha que atualmente eu conseguiria algo em até 2 ou 3 meses? Aqui no Brasil, mesmo na crise eu consigo emprego rápidamente, por ter um bom cv e conhecimento.
    Tenho filhos e o que vai comigo no começo é pequeno (3 anos). Eles tb tem cidadania. Sabe me falar algo sobre criar filho aí? Andei pesquisando sobre escola, custos, etc.
    Obrigada!

    • Oi, Paola! Na sua área e com a sua experiência – e tendo a cidadania- é relativamente fácil conseguir emprego. O problema, na verdade, são os salários, que costumam ser baixos. O que eu recomendo é já ir se candidatando a vagas para ter uma ideia do salário e do mercado – e da recepção ao seu currículo. É difícil dar um prazo porque vai depender também do que você está disposta a aceitar. Sobre vir com as crianças, recomendo a leitura dos blogs de duas amigas: a Juliana do Rumo a Madrid – http://www.rumoamadrid.com.br/site/ – e a Paula, do Viajando com Bebê – http://www.viajandocombebe.com/. Ambas brasileiras com filhos pequenos morando aqui e que dão dicas no blog delas sobre esse tema. Um abraço!

  103. marcia brasilino // 24/04/2016 em 2:43 am // Responder

    Boa noite larissa.
    bem estive procurando em muitos sites sobre como conseguir e viverna espanha. e o seu foi o que mais me interessou.
    Pois bem…
    Estou com planos de trabalhar e estudar na espanha.
    Gostaria muito de uma força uma orientação sobre o assunto. Sei que nao é fácil começar uma vida nova principalmente longe de “casa”

    Tenho 24 anos e solteira.
    desde os 14 que tenho minha independência financeira, Nao faço corpo mole para trabalhar.

    Se alguém na mesma situacao que a minha hoje com cede de comecar uma nova vida fora do país peço que trocamos algumas idéias
    Meu email é marciabrasilino20@gmail.com
    grata!
    _/\_

  104. Selma Vianna Dominguez // 28/04/2016 em 5:32 am // Responder

    Gostaria da cidadania espanhola já que meu avô era de Vigo e para isso preciso morar por um ano no país. Além disso sou médica e queria saber como está a situação da Saúde na Espanha .É difícil conseguir emprego neste segmento e salários??? Obrigada desde ja

    • Oi, Selma. Não sei te dizer como está a situação especificamente nessa área e os salários variam muito de acordo com a região e o cargo. O grande problema é que aqui grande parte dos médicos atua no setor público, que é muito mais forte que o privado, e para entrar no setor público é preciso fazer concurso. O melhor é tentar falar com associações do setor para ter mais informações. Abs!

  105. Billy Cezar Bento // 03/05/2016 em 4:12 pm // Responder

    Ei Larissa!

    Tudo bem?
    Larissa, estou querendo muito ir para a Espanha no meio de Junho. Você não pode me ajudar?
    Sou formado como cabeleleiro e quero trabalhar ai na Espanha na minha area.

    • Oi, Billy! Conforme eu falei no post, se você não tem documentos é muito difícil conseguir um emprego. Talvez, se vc tiver contatos, você consegue algo ilegal, mas é um risco que não recomendo a ninguém correr. Um abraço!

  106. Oi Larissa,
    Muito bom seu blog parabéns. Sou casado e estou me formando em engenharia. Tenho cidadania italiana e eu e minha esposa estamos inclinados a mudar para a Europa em breve. Já estive em Madri e me apaixonei pela cidade. Nós conversamos constantemente sobre qual seria o lugar ideal para nós e gostamos da Espanha principalmente pelo fator clima. Morei em Dublin um tempo e realmente o clima é algo importante a se pensar.
    Gostaria de saber a opinião de alguém que provavelmente convive constantemente com estrangeiros. Como tem sido atualmente para os novos emigrantes? Eu sei que a questão emprego é muito incerto opinar, pois cada um tem uma experiência, mas vc tem visto muitas pessoas conseguirem se estabelecer na Espanha, mesmo diante da crise que enfrentam?
    Um abraço e boa sorte pra vc!

    • André, se você tem a cidadania fica muito mais fácil, mas saber como a coisa vai sair é sempre complicado. Conheço uns três publicitários brasileiros que foram convidados para trabalhar aqui, enquanto tem muito publicitário espanhol desempregado… é difícil entender. Acho que são vários fatores: qualificação, experiência e sorte são alguns deles, além de falar bem o idioma. Sempre ouço que a demanda por engenheiros tem crescido (levando em conta que foi um dos fatores mais afetados pela crise por conta da bolha imobiliária), então acho que vale a pena tentar. Vai mandando currículos estando aí para “sentir o mercado e a recepção ao seu cv”. Muita sorte pra vc tb!

  107. Oi Larissa! Muito prazer em conhecer seu blog. Estou morando em Valencia/ES, e estava procurando sites de emprego no google e logo vi o seu. Bom, gostaria de deixar uma dica para quem está querendo vir para a Espanha trabalhar: NÃO ESTÁ FÁCIL CONSEGUIR EMPREGO. Eu vim morar aqui por conta de um curso na universidade, estou aqui há 3 meses, batendo de porta em porta de restaurantes e cafeterias, e até agora nada. Também estou recorrendo a amigas que trabalham fazendo limpeza de casa, e elas até agora não conseguiram nenhuma indicação. Por isso, pensem muito antes de vir para cá atrás de trabalho. Viver em outro país, longe da família e amigos, é muito difícil, principamente nas horas que vc precisa de um apoio emocional. Entrar na cultura de um país é algo tb muito complicado. Vc precisa entender e aprender o comportamento, a maneira de pensar, as regras que muitas vezes são diferentes do nosso país, e isso demanda muito esforço psicológico e emocional. Mas é uma experiência que com certeza faz qualquer ser humano amadurecer e crescer como pessoa. E é isso, muito bom interagir aqui com dicas e informações! um abraço e sucesso para vc!

    • Andrea, super obrigada pelo seu depoimento! Espero que você tenha sorte com o emprego. Quanto à saudade, aguenta firme que depois fica mais fácil. Um abraço!

  108. Oi Larissa,
    Tenho uma amiga que morou por 10 anos em Barcelona (o marido tem cidadania italiana) e ela me contou sobre o baixo custo de vida e tb sobre a nivelação de salários. Pretendo me mudar pra Madrid até 2018. Sou formada em Hotelaria. Sei das dificuldades de emprego aí, mas isso se refere a empregos específicos (médico, engenheiro, informática) ou pra qualquer um? Digo, se os salários são nivelados, existe dificuldade tb para se conseguir emprego de nível menor? Como camareiras e balconistas ou garçonetes?
    Um Bj!

    • Paula, há 10/12 anos era fácil chegar aqui e encontrar emprego, mesmo estando ilegal, porque o país estava em crescimento e havia demanda. Se o marido da sua amiga tinha cidadania italiana, ela podia trabalhar sem problemas, o que facilita muito. Hoje em dia, no entanto, o cenário ainda é de crise… já não forte, mas o desemprego ainda é de 20%. A dificuldade de emprego é geral e muita gente com formação que não acha emprego passou a procurar em lojas, bares, restaurantes, o que fez com que a competição por essas vagas aumentasse. Além disso, o custo de vida em cidades com Bcn e Madrid não é assim tão baixo – menor que em cidades como Londres ou Paris, mas para ainda assim é alto comparado com outras cidades da Espanha. Aqui no blog (e nesse próprio post que vc comentou) você vai encontrar mtas informações sobre tudo isso. Abs!

  109. Oi, Larissa!!! Excelente post!
    Eu passei pela mesma situaçao da Herika; vim pra Madrid ha quase um ano com o meu agora marido, que veio a trabalho, e mesmo eu tendo feito um MBA aqui foi muito difícil encontrar meu estagio – que dirá um emprego de contrato indefinido.
    Eu me cadastrei em mais de 300 vagas, e nao tive preconceito nao, apliquei pra tudo, e fui chamada para APENAS 6 entrevistas. Vou acrescentar que existe MUITO preconceito pelo fato de sermos estrangeiros, e o mercado nao esta facil mesmo eles estando saindo da crise.
    Pra quem quer vir, vale exatamente o que voce disse: ilegalmente voce sequer vai conseguir ser garçom; babás aqui eles querem de países que falem ingles (ou seja, com ingles nativo), e a unica pessoa que eu conheci aqui ilegalmente que conseguiu um trabalho foi pra entregar panfletos pra uma loja por 3 dias na semana… realmente nao é facil.
    Mas desejo muita sorte para quem decida vir, porque a Espanha inteira é maravilhosa, Madri é fantástica e apaixonante!
    Beijos

  110. Oi larisssa!
    Estou pensando em ir para Espanha, só que eu tô fazendo um curso de enfermagem e só iria daqui a uns 2 anos, queria saber se vale a pena ir como técnico de enfermagem.
    Bjos!

    • Felipe, se você não tem um documento que te permita trabalhar, como a cidadania ou um visto de trabalho, não vale a pena vir para tentar um emprego aqui, pelo menos atualmente. Talvez daqui dois anos o cenário mude, mas por enquanto, não.

      • Obrigado por me responder Larissa.
        Mas no caso eu iria pra morar com a minha tia, que vive em Barcelona a 15 anos e já tem família aí. Eu iria justamente pra isso, pra conseguir uma cidadania.

        • Felipe, mas você tem direito à cidadania por ser filho de espanhóis ou algo do tipo? Porque sua tia ter a nacionalidade não conta para nada, exceto se ela for sua responsável legal e se você for menor de idade.

  111. Sou brasileiro!!tenho passaporte italiano,eu gostaria de morar na Espanha (Madrid)…gostaria de saber o que devo fazer para organizar a documentação da minha esposa pra que ela fique legal e que possa trabalhar???
    muito obrigado pela atenção

  112. Tatiane Aparecida da Silva // 19/05/2016 em 11:48 pm // Responder

    Olá Larissa!Gostei muito do seu blog,é sempre importante pode contar com pessoas pra orientar e dar dicas de como viver em outro país.Tenho 31 anos,sou esteticista formada e quero saber como está pra quem pretende ir pra Espanha pra morar e trabalhar oferecendo serviço de porta em porta ou em clinica de estética.Meu marido tem cidadania Alemã,ele já morou na Suíça e Inglaterra, e o custo de vida lá é muito alto.Na realidade da Espanha,como é pra quem deseja morar,trabalhar, conseguir uma casa pra morar e viver na Espanha.Também consultei um site de empregos da Infojobs na Espanha e tem vários empregos em hotéis e para limpeza em geral,isso é real com a atual situação econômica da Espanha? Obrigada! Um abraço.

    • Oi, Tatiane. Sendo familiar de um comunitário da Ue você tem autorização para trabalhar, o que já facilita MUITO as coisas. O custo de vida aqui sem dúvida é bem mais baixo que nos países que você mencionou, mas os salários também são. Se você tem documentos e experiência, dá para conseguir alguma coisa… aí vai depender de você aceitar as condições de trabalho, como salário e horários. Abs

  113. Oi tudo bem, me chamo jackeline, sou profissional da área da beleza, Cabeleireira, gostaria de saber se nessa área a muita procura em madrid!? E qual é a média salarial?!

    • Oi, Jackeline. Existe procura por esse serviço, sim, mas existe também muita oferta. A concorrência é forte. Para ter uma ideia da média salarial, o ideal é entrar em sites de emprego e ver quanto eles estão oferecendo. Um abraço

  114. ola estou precisando de um suporte aqui na Espanha em madrid cheguei ontem eestou em uma pousada pago 30 por dia preciso de um quarto para morar e um trabalho poderia me auxiliar estou com com dinheiro para um mês mas não quero voltar.
    ficaria muito grato obrigado.
    meu numero e 631676517

    • Oi, Wanderson! Todas as dicas que eu posso dar em relação a trabalho já estão no blog. Espero que vc tenha sorte. Um abraço!

  115. Ola, meu nome é Edinaldo, tenho 34 anos Como faço para arrumar emprego La na Espanha e ir sem problema… já tenho experiência na minha ária de Pintor Industrial e civil alpinista escalando com Qualificação Irata N-1 e limpeza e manutenção de edifícios já tenho passaporte. Agora vendo essa postagem. Fiquei completamente, interessado. Se tiver alguém que me ajude ou possa informar alguma agencia ou empresa que contrata pessoas para trabalhar em outro país por gentileza. Mande mensagem para edinaldo29nunes@hotmail.com

    • Oi, Edinaldo! Como comentei no post, sem ter um visto de trabalho é MUITO difícil. O mais recomendado é ir mandando currículo pela internet para ver se alguma empresa se interessa. Abs!

  116. Oii sou jhonatan Minha família quer ir morar em barcelona vc pode me dizer como e o ramo de marceneiro e carpintaria naval ai se tem muitas pessoas q ja fazem isso ai ou se da pra montar ou trabalhar em uma empresa assim? Obrigado

    • Oi, Jhonatan! Não conheço esse setor. O melhor é tentar entrar em contato com algum tipo de associação de empresas do setor para ver como estão as coisas. Abs

  117. Olá, Larrisa!

    Achei seu post e os comentários muito informativos e detalhados, mas fiquei com uma duvida.
    Meu namorado recebeu uma proposta de trabalho em Madrid. Devemos nos casar poucos meses antes de ele ir para lá. Neste caso, eu poderia ter um visto de trabalho também? Essa parte burocrática do meu visto teria que ser tratada pela empresa que contratar meu namorado ou eu mesma poderia realizar o processo de obtenção de visto junto ao consulado após meu namorado tirar o visto dele? Você sabe quanto tempo levaria para eu conseguir o visto?

    Obrigada!

    • Oi, Natalia. Sim, você teria o mesmo visto que o dele que te permitia trabalhar. Normalmente, a empresa se encarrega dessas coisas, aí vai depender do que vocês negociarem. Um abç!

  118. Olá,

    Tenho uma dúvida, supomos que eu esteja há 8 meses em Barcelona (Ou seja, já estou ilegal, já que o período minimo para ficar é de 3 meses) e eu queira abrir uma empresa, isso seria possível? Consigo solicitar a abertura de uma empresa já estando ilegal?

    • Oi, Olivia! Não tenho nem ideia de como funciona a abertura de uma empresa – e se para isso é preciso estar legalmente. O melhor é pedir a consultoria de um especialista. Abs!

  119. Olá
    Meu nome é Samer Candel, Tenho 44 anos e sou motorista profissional(Automóveis,carreta e motocicletas), sou cidadão Espanhol, Estou a procura de trabalho na mesma.
    Alguém tem um site de Empregos de lá?

    Obrigado.

  120. Oii larissa! Agradeço todas as informações, e queria uma ajuda, estou indo morar na Espanha em janeiro de 2017, quería saber se ha algum curso que eu faça aqui no Brasil que me ajude em algum emprego na Espanha, a língua eu já sei, morei 7 meses la, mas na época eu Tava com a cabeça noutra situação da minha vida, sem proveito algum, pelo menos sei que a segurança la é melhor e qualidade de vida tbm, vai eu e meu namorado, tenho parentes, mas estou estudando possibilidades de alugar um piso, pra não pesar meus familiares, e ser mais independiente tbm, vou vender meu carro e acredito estar segura uns 3 meses, é nesse periodo que temos que arranjar um emprego, mas um curso, uma direção mais precisa sería ótimo!! Um curso que valerse na Espanha, sei la, até mesmo simples que pudesse ser uma vantagem a mais. Obg mais uma vez

  121. Olá Larissa,
    Encontrei o seu blog por acaso e gostei muito da sua postura em seus post. Tenho uma pergunta: como está o mercado de trabalho para professores de Inglês? Sou formada na federal do ES e tenho mestrado pela Anglia Ruskin na Inglaterra. Quais são as minhas chances de conseguir escolas para das aulas e começar minha vida na Espanha? As coisas mudam muito de uma cidade para a oura? Pergunto porque tenho muito interesse em ir para Barcelona (onde morei quando criança).

    Um abraço,
    Mirian

    • Oi, Mirian! Se você tem documentos para residir e trabalhar aqui legalmente, acho que existe boas possibilidades de conseguir algo, mas não tenho como te falar de um setor específico. Mas se você não tiver um visto de trabalho, a coisa se complica um pouco… um abrço!

  122. Oi… Larissa.. estou pensando em passar um tempo na Espanha. Tenho uma tia que mora lá, e ela me incentivou a tentar ir, tipo, vou sem o visto só como turista mesmo, e ela disse que consigo alguma vaga de emprego informal como cuidadora. Você acha que depois de eu estar lá é fácil conseguir o visto? Sou formada em Letras, não sei se tenho muita chance nessa área. Valeu pelos posts.. Parabéns.!

    • Oi, Lunna! Infelizmente não é fácil conseguir um visto estando aqui. No meu caso, quando eu estava como estudante (com visto de estudante) e decidi ficar, eu fiz várias entrevistas de emprego e nenhuma empresa topou fazer meu visto de trabalho. Espero que você tenha mais sorte. Abs!

  123. Larissa, será que poderia me ajudar?
    Tenho relacionamento de 3 anos, moramos juntos, mas não somos casados.
    Surgiu oportunidade de emprego pra ele na Espanha, e ele tem descendencia p tirar cidadania, só não tirou ainda pelo fato de que teria de morar lá por 1 ano.
    Só que com essa oportunidade agora, estamos motivados, mas não sei o que é preciso fazer para que eu vá junto dele, e se indo, eu posso também procurar um emprego lá, etc, não sei nem por onde começar nessa situação
    Pesquisei um pouco e vi algo sobre arraigo social, mas nao sei se é esse o meu caso

  124. Se sou naturalizada na Espanha. Meu filho teria aluguma vantagem ou poderia entrar legalmemte no País, mesmo ele tendo 33 anos? Ele é super qualificado com fluencia em ingles e espanhol. Aqui…eu sei que a maioria dos espanhois nao falam ingles.

    • Se você tem a nacionalidade, seu filho pode dar entrada no pedido da dele. O ideal seria consultar o consulado aí no Brasil ou um advogado especialista. Abs!

  125. Ola
    Estou pensando em ir morar em Madrid ano que vem e vou levar meus dois filhos,um de 4 e uma menina de 13
    anos sabe de dizer se encontro alguma escola que eles vão se adaptar melhor?até pq eles não falam espanhol.

    • Oi, Francielle. Não tenho filhos, por isso não posso te orientar em relação a isso. Normalmente, as escolas são bem compreensíveis com essa adaptação, já que grande parte das crianças aqui é estrangeira (ou filhos de estrangeiros). De qualquer forma, recomendo a leitura dos blogs Viajando com Bebê e Rumo a Madrid, que são escritos por duas brasileiras residentes aqui e com crianças.

  126. Olá, gostaria muito de trabalhar na Espanha eu e meu marido ele é pedreiro profissional e eu designer de sobrancelhas.

    • Oi, Marcilene. Conforme comentei no post, é bem complicado. Para vir legalmente, você teria que tirar o visto estando ainda aí e nessa área isso é difícil porque já tem muitos trabalhadores aqui. Abs

  127. Larissa, sou aposentada e graduada em Psicologia (2014) com especialização em Psicoterapia Junguiana (2016) e graduada em Ciências Sociais. Gostaria de morar um tempo na Espanha para aprender o espanhol, trabalhar como voluntária e se possível montar um consultório de atendimento. Tenho 55 anos e creio que minha renda é suficiente para me manter na Espanha. Gostaria de realizar essas coisas em 2 ou 3 anos. Você acha viável? Vc tem algum post sobre validação de diplomas? Existe restrição para abertura de consultório de atendimento por estrangeiro? Grata.

    • Oi, Nanci. Tudo bem? Não sei como funciona para abrir um negócio. Provavelmente você teria que se registrar no sistema de autônomos, mas acrdito que isso só é possível para quem é residente legal. Além disso, para psicologia é exigida a homologação do diploma e parece que isso é bem burocrático. O melhor seria entrar em contato com um escritório especializado nessa área. Abs.

  128. Nossa, que post baixo-astral. Moro na Espanha há 7 anos, cheguei sem documento e hoje tenho minha empresa e já ajudei vários brasileiros a virem.

    Só tá ruim pra quem é mole… eu hein.

    • Oi, Aline! Que bom que pra você deu tudo certo. Se você olhar os comentários, vai ver que já teve gente tanto falando bem quanto mal, afinal cada um tem uma expectativa e uma experiência. Nesse post, eu falei da minha visão pessoal e não disse que isso é uma regra que se aplica a todos. Mas é sempre bom ver que tem gente com histórias positivas!

    • Caio Bernardinelli // 13/09/2016 em 8:31 am // Responder

      Oi Aline, me ajuda tambem =) me chama whats 11992113232

    • Aline, fui estudar em Sevilla e fiquei por um ano. O que me aconteceu é que a Espanha não me deixou! Não tem um dia que não penso em voltar.
      Se não for pedir muito, poderia me contactar via email? Preciso muito de ajuda e dicas.

      Obrigada
      kamillaeliz@gmail.com

  129. BOA TARDE

    DEVIDO A INSEGURANÇA NO BRASIL ESTOU QUERENDO SAIR COM MINHA FAMÍLIA. PENSO EM IR PARA ESPANHA… SITGES. QUERO SABER COMO ESTA O CAMPO DE TRABALHO PARA JORNALISTA, SE TEM EMPREGO PARA TECNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO E/OU ENGENHEIRO CIVIL, ESCOLA INFANTIL É MUITO CARA? COMPRANDO UMA CASA AI É MAIS FACIL CONSEGUIR O VISTO PERMANENTE? POR FAVOR ME RESPONDA E TAMBÉM ME PASSE UM CONTATO PARA CONVERSARMOS.

    • Olá, Edcarla. O campo para jornalista é bem difícil, tanto para os espanhóis quanto para estrangeiros, porque há mta concorrência e os salários são baixos. Para engenheiro, acho que é um pouco melhor. MAs você teria visto de trabalho? Sem visto, é quase impossível! Sobre a escola, há ótimas escolas públicas e gratuitas. Não sei como funciona o visto para quem compra residência. Meu email é estoesmadridmadrid@gmail.com. Abs!

  130. OI Larissa, td bem:?
    Meu filho tem 18 anos e tem nacionaidade espanhola. Ele gostaria de tentar a vida aí… trabalhar e posteriormente estudar. Qual cidade vc recomenda ? Alguma outra dica ? de onde morar barato? Nesta idade ele pode errar ainda…. obrigado

  131. BOA NOITE TENHO UM AMIGO BRASILEIRO QUE ABRIU UM SALAO DE CABELEIREIROS LÁ E VAI ABRIR OUTRO EM BARCELONA É POSSIVEL EU ENTAR LEGALMENTE POIS ELE QUER ME CONTRATAR?

    • Oi, Rodrigo. É bem difícil conseguir fazer isso, já que atualmente apenas imigrantes que sejam altamente qualificados conseguem obter um visto de trabalho. O ideal seria que ele entrasse em contato com o Ministério do Trabalho para ver como funciona.

      • Oi Rodrigo
        É possível sim, seu amigo tem que divulgar a vaga no instituto de emprego e ser bem especifico no tipo de profissional que ele pede, se possível colocar alguma coisa que os brasileiros fazem e aqui nao, também idade, sexo, anos de experiencia, etc.. ai eles vao mandar candidatos pro teu amigo durante 3 meses e ele tem q dispensar todos dizendo pq, por exemplo pq nao tem experiencia, pq nao sabe fazer tal coisa, etc. depois desses 3 meses o governo dá pra ele uma autorizaçao pra contratar alguem de confiança e ai ele pode te mandar o contrato para o Brasil e te contratar.

  132. Boa tarde,tenho interesse de ir morar na Espanha com meu Marido e meu filho temos experiencia na área de produção sou formada em gestão financeira mais tenho interesse mesmo que seja em qualquer outra área. Atualmente trabalho aqui no Brasil na área fiscal de uma empresa da área alimentícia a 7 anos.

    • Oi, Daniela! Todas as dicas que eu poderia dar já estão no post. Minha recomendação é tentar enviar seu cv às empresas que te interessam e tentar a sorte (estando aí). Não recomendo vir ilegalmente! Abs

  133. Oi Larissa, tudo bem?

    Acabei de ler o lost e fiquei com uma dúvida. Você diz que tem que sair do Brasil já com um trabalho. Eu tenho uma amiga peruana que chegou a Espanha sem trabalho e conseguiu um trabalho aí mesmo. É um estágio. Ela foi sem nada certo, e conseguiu aí. E ela tem um permiso de trabajo. Você sabe algo sobre? Alguma informação?
    beijos e obrigada

  134. Oi Larissa!

    Trabalho como engenheiro no Brasil, mas estou cogitando ir para a Europa e buscar algo no campo do turismo, como trabalhar em hostel, ou ser guia turístico por exemplo

    No caso da Espanha, eu vi alguns trabalhos no site hosteljobs porém, não sei se o visto poderia me atrapalhar. Sabe me dizer algo a respeito?

    OBRIGADO!

    • Oi, Bruno! Conforme comentei no post, se você não tem documento é muito difícil conseguir um trabalho aqui na Espanha, mesmo que seja um emprego que não exija muita qualificação.

  135. Olá Larissa. Minha situação é o seguinte, tenho uma tia que mora há 11 anos em Madrid, ela já está tirando a cidadania espanhola, e ela vive há 5 anos com um espanhol ( não são casados ). Há um tempo ela vem me chamando para viver com ela, mas só agora poderei ir, pois acabei de fazer 18 anos e terminei o ensino médio. Gostaria de saber como poderei ir,se ilegal ou não, pois ela irá me manter lá.

  136. Olá, e como a pessoa vai te contratar estando no Brasil?. Ela manda alguma carta, documento que chegue no Brasil e com isso eu vou no consulado da Espanha e pego meu visto de Trabalho?

  137. Olá sou sushimam no Brasil, cozinheiro de comida japonesa.n sei falar espanhol. Mas sou profissional na minha área.facio encontrar trabalho de sushimam na Espanha

    • Oi, Dieivon. Se você não tem um visto de trabalho, é bem difícil encontrar trabalho, especialmente no setor de serviços, já que aqui existe muita oferta de trabalhadores da área.

  138. Bom dia Larissa, Obg pelo blog! Adoro tudo aqui.
    Bem, sou casada com espanhol e já tenho documento para residir e trabalhar. Decidimos ir para Espanha principalmente pelo fator qualidade de vida, porém fico um pouco aflita com relação à emprego.
    Vou estudar espanhol aí e tenho diploma traduzido e apostilado de letras port/inglês mas não domino bem este último, apenas para dar aulas para crianças. Por esse motivo penso me redescobrir em outras áreas. Saberia dizer se fotografia e cuidar de crianças na própria casa são áreas fáceis de conseguir uma renda? Terei disposição para fazer cursos nos primeiros meses porque estamos indo com um extra para mantermos as contas em dia.
    Agradeço as dicas…..
    Xeruuuuuu

    • Oi, Bruna! Não sei se essas áreas são mais fáceis porque não conheço ninguém que trabalhe com isso. O que eu vejo que existe muita demanda de trabalhadores é na área de telemarketing com fluência em português. Dependendo de onde vc for morar, pode ser uma opção. Abs e sorte!

  139. Bom dia, sou viúva,tenho imóvel próprio, tenho renda fixa aqui no Brasil; mas a situação do país está cada dia pior não estou conseguindo me manter com a pensão que meu marido deixou. Tenho 45 anos. Falo um pouco o espanhol e fluente em inglês. Pretendo ir para Valencia. Como faço? E Meu filho quer fazer pós. Que Passos devo tomar. Antecipo agradecimentos.

  140. Ola bom dia gostaria de saber se tem muita dificuldade de vagas na área de construção civil em Madrid se é rapido sair as vagas ?

    • Oi, Bruno! Conforme falei no post, se você não tem visto de trabalho é bem difícil. Não recomendo a ninguém vir se não tiver um visto que permita trabalhar.

  141. Olá tenho um escritório home office e minha vontade é encontrar uma empresa espanhola que necessite de alguma forma de um representante ou uma “sede” no Brasil. Será que existe esse tipo de atividade? Por onde me recomendam que inicie as buscas?

    • Oi, Fernanda. Acho que nesse caso você teria que focar suas buscar em um setor. Eu, pessoalmente, não conheço nenhum. Abs!

  142. luis antonio donzelli // 20/12/2016 em 5:13 pm // Responder

    Olá, gosto muito de gastronomia, tenho 49 anos, divorciado, trabalho no setor de projetos em arquitetura, mas me dedico a preparar alguns pratos hoje como hobby, mas penso as vezes tentar ir em algum pais na europa assim como espanha para aprender mais e trabalhar tambem, o que voce acha?? seria uma boa ou nao???abraços

    • Oi, Luis! Conforme comento no texto, não recomendo vir pra Espanha tentar a sorte se você não tem um visto de trabalho. Já para os outros países da Europa, não sei como funciona. Um abraço!

  143. julival santos costa // 21/12/2016 em 5:43 pm // Responder

    Oi Larissa tudo bem eu sou cozinheiro e e tenho um restaurante aqui no Brasil eu gostaria de ir na Espanha trabalhar como cozinheiro pra algum restaurante e aproveitar e da uma olha na areá comercial pra ver se no futuro eu levanto uma grana e abra meu restaurante ai. É facil conseguir emprego para cozinheiro e que cidade e melhor e o que devo fazer

    • Oi, Julival! Conforme explico no texto, não recomendo vir tentar a sorte se você não tiver um visto de trabalho, porque é muito arriscado. Já para vir como empreendedor, não sei como funciona, mas recomendo contratar um advogado porque parece ser bem burocrático.

  144. ola,gostaria de saber se na espanha e muito ruim de emprego?estou pensando em ir para espanha trabalhar,e como funciona o piso salarial no ramos textil e comercio como super mercados e lojas.tentei encontra em alguns sites de emprego mas nao achei.

  145. ola,pode da detalhes sobre o custo de vida na espanha?e qual e o seu concelho de ir trabalhar na espanha se vale apena a nao?

  146. ok,muito obrigado

  147. como faço pra tirar o visto pra ir so pra trabalhar na Espanha?

    • Macedo, para tirar o visto de trabalho, você tem que encontrar primeiro um trabalho estando ainda aí no Brasil. A empresa tem que estar disposta a fazer os trâmites necessários (é um processo burocrático) e tem que comprovar que não encontrou um profissional qualificado para fazê-lo.

  148. Daniela Costa Brandão // 06/01/2017 em 9:13 pm // Responder

    No meu caso eu tenho uma namorado espanhol a 1 ano já. Nos conhecemos quando morei lá pra estudar. Voltei pro Brasil p terminar a faculdade e quero me mudar de vez pra Espanha pra morar com ele e trabalhar. O que vc me recomenda? Queria arranjar um trabalho prra poder dps me legalizar mas pelos visto n contratam gente ilegal. E não queria casar pra isso.

    • Oi, Daniela. Acredito que as únicas soluções para poder vir e poder trabalhar são ou casamento ou união estável.

  149. Olá! Legal o blog, gostei. Meu marido é cirurgião pediátrico aqui no BR, eu sou jornalista mas estudei mkt e meus últimos trabalhos foram mkt e não jornalismo. Temos 2 filhos pequenos e pensando na segurança deles queremos sair do país. Temos cidadania italiana (exceto eu, mas pelo q nos foi explicado eu poderia “usufruir” uma vez que meus filhos tem e somos casados no papel), pensamos em Portugal mas como a taxa de natalidade é baixa fica inviável pela profissão do meu marido. Pensamos Alemanha pq meu irmão mora lá mas a língua seria uma dificuldade, hj falamos com uma pessoa do Canadá mas ficou muito difícil alcançar a pontuação mínima necessária para emigrar, então nós falaram da Espanha. Como está a situação hj aí com relação à emprego? Vc saberia me dizer se ele conseguiria exercer a especialidade dele aí? Por onde devemos começar? Obrigada

    • Oi, Adriana! A situação aqui está melhorando, mas ainda é um pouco complicada. Não conheço essa área a fundo, mas o que posso dizer como paciente é que aqui grande parte das pessoas usam o serviço público e, por isso, grande parte das vagas são para concursados. Algumas pessoas têm seguro público e pouquíssimas vão a um médico privado, pagando a consulta individualmente. Além disso, me parece que médicos precisam homologar o diploma para exercer a profissão aqui. O ideal é consultar o Ministério da Educação e/ou uma associação de médicos para ver como isso funciona. Abs

  150. wesley matheus martins aguiar // 12/01/2017 em 10:35 pm // Responder

    olá, meu nome é wesley . conhecir uma amiga espanholá , ela me convidou pra ir morar com ela . so que tenho varias dúvidas . será possivel eu fazer uma faculdade lá ? eu posso trabalhar indo com um visto de estudante ? se é possivel eu fazer uma faculdade publica na Região?

  151. Julio cesar soares de carvalho // 13/01/2017 em 12:31 am // Responder

    Ola boa morei 7 anos na espanha nos ultimos 3 anos consegui documentacao.e minha esposa ultimos 6 meses e voltei ao e na data de renovacao nao pode ir la pra renovar e sem contar que meus documentos foram todos roubados…a possibilidade de conseguir novamente meus doc ai na espanha que estou pensando em voltar…

    • Oi, Julio! Não sei te informar como isso funciona. É melhor consultar um advogado especialista ou um consulado para te orientar.

  152. Já estamos neste caminho, obrigada!

  153. Ola Larissa, minha querida eu tenho uma irma que ta morando na Espanha em Lugo se eu nanoao estou me enganado o nome da cidade mas acho que em em lugo mesmo e eu gostaria de ir tentar morar la e conseguir um bom emprego la, eu tava trabalhando aqui no Brasil como tecnico de informatica so que to me recuperando de um acidente que tive na minha moto e nao gostaria de voltar aonde eu trabalho e querendo irma para a Espanha pra onde minha irma ta, ela ta morando la ja uns 5 anos e ela me falou que se eu quizer eu posso ir tentar a sorte la aonde ela estar, eu gostaria de saber se eu tenho alguma chance de me da bem la e se eu me daria bem trabalhando na are que eu trabalho aqui que e da informatica ou em qual outra area eu poderia me da bem la, que voce me diria disso amiga…….

    • Oi, Evaldo. A questão é que é bem complicado conseguir um visto de trabalho, como comentei nesse mesmo post. Acho que sua irmã é a pessoa mais recomendada para te falar sobre Lugo, já que nunca estive aí e não sei como é a questão do emprego. Abs

  154. Olá, eu sou corretor de imóveis e técnico em manutenção em eletrônico, smartphones, tablets e notebook. Penso em morar na Espanha como estudante e realizar trabalho autônomo com esses serviços, é possível?

    • Oi, Antonio. Com um visto de estudante, você não pode trabalhar como autônomo. Para isso, você precisaria tirar um visto de trabalho por conta própria.

  155. Gostei do Post!
    Mas, tenho uma dúvida o visto de trabalho não pode ser tirado na Espanha , somente no Consulado Espanhol no Brasil depois do processo de contratação acontecer com empresa Espanhola mesmo sendo filho de Espanhol isso procede?

  156. Ola bom dia meu nome é Geová minha profissão atual é instrutor de trânsito e também motorista gostaria de aaber quais seria as possibilidades de conseguir um trabalho nessas áreas e qt seria a remuneração, tenho o curso básico de espanhol quais sugestões vc poderia me dar?

    • Oi, Geová. Conforme expliquei nesse post, é bem complicado conseguir um trabalho se você não tem um visto de trabalho. Esse é um setor que não conheço, recomendo que tente entrar em contato com alguma associação de trabalhadores para ver que tipo de exigências há. Abs

  157. Ola, meu nome e Enrique e sou marceneiro aqui no brasil trabalho com armários sob medidas.vc sabe me dizer algo sobre essa área?
    E no caso eu vo ter q ficar como imigrante, sera q eu consigo emprego ai ?

    • Oi, Enrique. Não conheço esse setor, por isso não posso te dizer como é. Conforme expliquei no post, se você não tem um visto de trabalho, é bem difícil conseguir emprego. Abs

  158. Olá penso em ir morar em Madrid ano que vem, sou cabeleireiro e maquiador e tem um dono de salão que me conheceu aqui e gostou de meu trabalho. Ele tem uma sócia por esse motivo quer que eu vá conversar com ambos pessoalmente sobre. Tenho 3 meses para ficar legal se eu chegar lá e eles quiserem me contratar dentro desse prazo legal como faço consigo pedir visto de trabalho lá? Obrigado

  159. Olá penso em ir morar em Madrid , tenho 20 anos, sou Eletrecista de manutenção industrial e residencial, atualmente te trabalho em uma loja de piscinas , com instalação de piscinas, aquecimento solar, gás, e elétrico, saunas, hidromassagem.. entre outras , e trabalho com limpeza de piscinas tbm, como está o mercado de trabalho nessas áreas em Madrid ?
    Pagam bem ?
    E fácil arrumar serviço ?
    Tenho duas tias que habitam em Madrid ?
    Isso ajuda em alguma coisa ?

    • Oi, Alex. Não conheço esse setor, mas conforme expliquei no post é bem difícil conseguir um trabalho se você não tiver um visto que te permita trabalhar. O fato de ter tias morando aqui não ajuda na parte profissional.

  160. Olá Larissa! Boa tarde!
    Eu e meu marido temos a cidadania italiana. estamos pensando em largar o Brasil e ir morar em Madrid, por que queremos ter nossos filhos em um lugar mais seguro e com melhor qualidade de vida. Eu sou nutricionista e ele dentista, e no futuro pretendemos revalidar o diploma. Você acha que conseguiríamos emprego facil? Em qualquer área. Pelo menos para nos manter?

    • Oi, Fernanda. É difícil dizer porque tudo depende de sorte. Às vezes é difícil para quem já tem faculdade conseguir um emprego “qualquer” porque estão sobrequalificados. Como vocês têm filhos, acho que deve ser uma decisão bem planejada: ou vir com uma reserva boa para aguentar um tempo sem trabalhar ou vir um dos dois antes para tentar um emprego e o resto da família vir depois. Abs

  161. Mariana de Oliveira // 01/05/2017 em 12:34 am // Responder

    Por favor, me ajuda a ter uma luz rsrs Tenho 28 anos, meu esposo 32 e temos um mercado de bairro no interior de SP, como nao estamos conseguindo ter uma vida financeira estável devido a vários problemas em que os pequenos empresários neste pais está passando… pensamos por que nao realizar nosso sonho de ir morar em Barcelona (ficamos lá 5 dias recentemente em um eurotrip, ficamos apaixonados)e começar tudo do “zero”. Sou formada em Publicidade e Propaganda, ele sabe muito sobre TI criacao de sites etc… O que acha dessa troca de oportunidade? Não temos filhos, meu esposo sabe falar e escrever em ingles e eu tenho muita vontade de aprender na marra falar espanhol. O que voce me indica a fazer ir estudar ou ir direto trab, esstou perdida mas ja decidida que quero ir embora do pais (pra um lugar que fale a lingua espanhola, pois acredito que será mais facil pra mim a adaptacao por nao saber nenhuma lingua a nao ser o portugues). Me fale oq que acha? Por favor 😉

    • Oi, Mariana! Mas vocês têm algum tipo de permissão de residência? Sem os documentos necessários para poder trabalhar e morar na cidade, não recomendo vir porque é muito difícil legalizar a situação. Abs!

  162. Cornelio A.Dias // 05/05/2017 em 9:48 pm // Responder

    Olá Larissa! Desculpa a ousadia.Creio que alguém já lhe perguntou; é uma pergunta simples; mas, é uma dúvida! Uma vez estando ai com visto de turista ao vencer o prazo, pode ser prorrogado o tempo do visto para permanência ou é obrigatório a voltar dentro do prazo estabelecido para o País de origem? Muito obrigado pela gentileza, sucesso; muita saúde, felicidade e amor para você!Que Deus te proteja sempre!

    • Oi, Cornelio! Para vir como turista não é necessário ter visto e você pode ficar no máximo 90 dias no país. Estando aqui, não é possível pedir nenhum tipo de visto… sempre tem que ser pedido no Brasil. Boa sorte e obrigada pelo carinho!

  163. Trabalho na área automotiva
    Tem emprego aí pra mim

  164. Adrielle Carvalho // 21/05/2017 em 4:24 am // Responder

    Olá! Tenho 17 anos e me formo no ensino médio este ano. Eu gostaria de morar na Espanha no próximo ano, conheço uma amiga da minha mãe que mora em Madrid. Eu poderia ir como estudante da língua espanhola? Eu já falo inglês, o que acho que já facilitária muito. Espero sua resposta.
    Desde já, agradeço 🙂

  165. Sou enfermeira no Brasil e pretendo trabalhar como enfermeira na Espanha, como posso fazer? Como é o mercado de trabalho?

  166. Joaquim Manoel Braga // 04/06/2017 em 2:17 am // Responder

    Sou Técno em mecânico industrial.
    Já tenho experiência pois gostaria deixa o Brasil , tenta uma vaga na Espanha .
    como faço e o que eu preciso .
    E meu maior sonho.
    Fico aguardando uma resposta.

    • Joaquim, conseguir uma vaga de trabalho na Espanha sem ter um visto que te permita trabalhar é muito complicado, já que é algo restrito a profissionais altamente qualificados, conforme expliquei no texto. Abs

  167. oi Larissa! como é o mercado na Espanha pra quem trabalha com arte? Pintura, desenho e coisas do tipo? costumam acontecer feiras de artes por aí (com venda de quadros, artesanatos etc)? acha possível conseguir se manter vivendo de arte aí? tenho lido bastante sobre brasileiros que se arriscam em outros países, e como sou formado em espanhol, acredito que a Espanha seria uma boa opção. com planejamento, eu penso em tentar a sorte. o que você me sugere?

    • Oi, Ariel! Só recomendo vir se você tiver um documento que te permita viver e trabalhar legalmente no país. Não conheço esse setor em profundidade, mas sei que existem feiras e eventos, como o Arco. Acho que o melhor é dar uma pesquisada e tentar em contato com outros brasileiros desse setor. Abs

  168. Olá, As dicas são ótimas.
    Eu gostaria de ir tentar a vida na Espanha… me tira uma dúvida se eu for como turista e dentre esses 90 dias eu conseguir um trabalho, daí mesmo eu já consigo resolver a estar ai não mais como turista e sim como contratada ou tenho que retornar por Brasil e refazer tudo. Desde já agradeço !

    • Oi, Ana! Não sei te informar se isso é possível. Até onde sei, aqui só se faz mudança de visto, não sendo possível dar entrada em um visto. Recomendo que consulte o consulado. Um abraço!

  169. oi larissa meu nome e beto ja morei na espanha em madrid por cinco anos vc poderia me dizer se na area da contruçao civil tem trabalho queria muito voltar gosto muito dai pode me dizer como ta por ai

    • Beto, a situação está melhor do que há cinco anos, mas ainda está longe de ser ótima. Se você tem documento que te permita trabalhar, recomendo ir procurando por internet. Sem documentos, não recomendo vir. Abs

  170. Oi Larissa. Tudo bem?
    Gostei muito do seu blog e as informações são bem úteis 🙂
    Gostaria de uma ajuda. Meu marido recebeu uma proposta de transferência da empresa que ele trabalha no Brasil para a Espanha. Você tem notícias se esse tipo de visto de trabalho para extracomunitários tem sido negado? Ou é só a empresa solicitar o visto pra ele e está tudo certo?
    Não encontrei nada na internet com esse tipo de informação.

    Muito obrigada.

  171. Larissa Nunes Villar // 01/08/2017 em 7:25 pm // Responder

    Olá, boa tarde. Gostaria de saber como consigo ir morar na espanha com meu namorado, ele tem cidadania espanhola e também trabalha lá, é jogador de futebol. Já eu não tenho cidadania e também não tenho nenhum trabalho em vista saindo daqui pra ir para lá. Não sei como faço, e também não sei o que me recomendam a fazer, estou muito em dúvida. Qualquer ajuda é bem vinda. Obrigada

    • Oi, Larissa. Você conseguiria vir apenas em caso de ser casada ou ter uma relação estável. Outra possibilidade seria vir como estudante. Um abraço!

  172. Olá Larissa!
    Meu nome eh Manoela sou de Belo Horizonte e tenho 24 anos, me formo em Adm. Ano que vem. Tenho dupla cidadania espanhola e estou cada vez mais pensando em ir morar na Espanha. Tenho muitos parentes em Madrid, que poderiam me hospedar até eu me estabilizar.
    Porém lendo o seu blog percebi que a situação econômica na Espanha ainda não está boa… O país segue em crise? Você acha que seria muito difícil eu conseguir um emprego? Nao me importo por exemplo de trabalhar em um Mc Donalds a princípio… Um emprego na minha área (administração) é quase impossível?
    O meu espanhol é fluente na fala , tenho sotaque , falo desde pequena… Porém a minha escrita não é muito boa.
    Uma outra pergunta, o meu namorado é estudante de engenharia, também forma ano que vem. Ele conseguiria emprego em sua área? Ele não fala nada de espanhol…
    Você acha que a Espanha é uma boa opção ou é melhor eu pensar em outro lugar?

    • Oi, Manoela! Com a dupla cidadania tudo fica mais fácil, inclusive conseguir um emprego. Falando espanhol, você provavelmente consiga um emprego na sua área – talvez não super rápido, nem com salários muito altos, mas dá para conseguir, sim. Minha dica é: vá estudando até lá para aperfeiçoar o idioma. Seu namorado, se não tem um visto de trabalho, é muito difícil conseguir emprego, conforme expliquei nesse texto. Profissionalmente, outros países da Europa oferecem melhores oportunidades e sealários.

  173. Oi Larissa, primeiramente parabens pelo seu post.
    Eu atuo na área de estética e tenho diplomas reconhecidos no Brasil, porém cada país tem seus sindicatos e leis com relação a isso e não estou conseguindo saber se poderia atuar na Espanha com meu curriculo.
    Você saberia me indicar algum lugar para em informar melhor sobre isso? Pode ser foruns..
    Obrigada!!

    • Oi, Marion. Não conheço esse setor e não sei exatamente onde procurar informações. Talvez procurando escolas, eles possam te informar. Ou até pesquisando por profissionais brasileiras que já moram aqui e atuam na área. Abs

  174. Ola bom dia gostaria de saber tem como recuperar uma documento ai da espanha morei 6 anos na espanha voltei pro brasil e nao renovei o meu documento espanha..tem como conceguir novamente os documentos

    • Oi, Julio! Não sei te informar se há como recuperar esse documento. Tente entrar em ctto com o consulado para se informar. Abs

  175. Afonso Carvalho // 22/09/2017 em 6:26 pm // Responder

    Olá a minha questão é simples quanto pode ganhar um carpinteiro de limpo com 15 anos de experiência no ramo?

    • Oi, Afonso! Não saberia como te responder essa pergunta porque é um setor que não conheço. Talvez tentando entrar em ctto com alguma associação de carpinteiros, você possa descubrar algo.

  176. Olá! Tenho um trabalho já na Espanha, o que preciso providenciar de documentação aqui, tenho meu diploma, e varios outros documentos já passados no eresp, e no consulado da espanhã, saõ de 2016, quando morei lá, por um ano andei pesquisando e aprendendo o idioma, agora volto com um trabalho em um empresa de livros, o que preciso para o visto de trabalho?

  177. Olá bom dia!
    Tenho três cunhadas que moram na espanha, teria algum visto pra conserguirmos ir morar lá. Falo, será que seria fácil por essa parte… E para trabalhar em clínicas odontológicas como auxiliar será que consegue?
    Grata!!

    • Oi, Rita. O fato de suas cunhadas morarem aqui infelizmente não facilitam para você vir. Para conseguir um trabalho, você precisa antes de um visto de trabalho e o visto só é concedido para profissionais altamente qualificados. Abs

  178. Oi Larissa tudo bem
    Estou querendo ir pra Madri vc sabe me informar onde tem agência de empregos aqui no Brasil pra mim ir com trabalho já garantido
    Obrigado

    • Oi, Carlecio. Não conheço nenhuma agência de emprego aí no Brasil que faça essa ponte com empresas da Espanha. Recomendo consultar sites da Espanha mesmo, como o Infojobs, ou então o Linkedin. Boa sorte!

  179. Ola, sobre o visto de trabalho na Espanha, eu tenho parentes que ja moram a alguns anos e que abriram um negócio. Estou querendo ir para trabalhar com eles, ficaria mais facil no meu caso? Eles me contratarem

    • Oi, Leticia. A grande complicação, nesse caso, é eles conseguirem comprovar que não conseguiram encontrar ninguém qualificado que já resida legalmente no país para contratar. Caso eles consigam fazer isso, sem problemas. Mas parece que esse trâmite é bem complicado. Boa sorte!

  180. Bastante negativa vem morar no Brasil então pq pelo visto não muda em nada segundo a sua expectativa

    • Oi, Monize. Residi no Brasil 27 anos e estou em contato com familiares e amigos que moram lá, por isso conheço a realidade aí (pelo menos em SP). Desde que escrevi esse post, a verdade é que a situação no Brasil piorou, enquanto aqui melhorou, mas, depois de seis anos morando aqui, também posso dizer que aqui, ao menos profissionalmente, não é o paraíso. Na minha opinião, a Espanha oferece muitas coisas que me fizeram escolher morar aqui, como segurança e qualidade de vida, mas profissionalmente acho que há países com mais oportunidades.

  181. Oi,trabalho no ramo de cozinha, disseram p mim q têm bastante svç em restaurante aí,já estou a 9 anos nesse ramo!acha q conseguiria me dar bem ai,tenho muita curiosidade em conhecer e morar ai

    • Oi, Eduardo. Eu não recomendo vir sem trabalho, mas realmente conseguir um visto que permita trabalhar é um pouco complicado. Quem sabe fazer um curso na área, entrar como estagiário e tentar ficar? Um abraço!

  182. Rafael fernandes ribeiro // 08/01/2018 em 3:41 pm // Responder

    Tenho uma cunhada que mora em pamplona e é casada com um espanhol eles me chamam sempre pra ir morar ai sera que é mais facil ja que meu cunhado tem uma pequena empresa ai ?

    • Oi, Rafael. Infelizmente é bem complicado. Caso eles fossem te contratar, eles teriam que comprovar que não conseguiram encontrar ninguém que resida aqui legalmente para ocupar a vaga.

  183. Larrissa, gostaria de saber como faço para abrir uma conta na Espanha estando aqui no Brasil, tem como?

    • Oi, Nandão. Acredito que isso não seja possível. A maioria dos bancos só aceita abrir conta se o cliente já tem um documento de residente na Espanha e são poucos os que abrem conta apenas com o passaporte – e sempre de maneira presencial. Abs

  184. Oi, Larissa. Meu pai é pedreiro aqui no Brasil e minha mãe dona de casa,o salário do meu pai n está muito bom por isso ele está pensando em tirar dupla cidadania e ir trabalhar e morar legalmente na Espanha mais minha família, só q n falamos espanhol.
    Só eu estudo meu irmão parou na sétima série, estou no nono ano, será fácil se adaptar com a língua para eu poder estudar e meu pai trabalhar ou precisaria fazer um curso antes aqui no Brasil?
    Um amigo do meu pai já morou e tem parentes na Espanha, ele disse q pagaram para a filha dele estudar, n sei se ela nasceu lá mas pagariam pra mim estudar? E o meu irmão q n estuda?
    O meu tio conseguiu visto à trabalho no EUA de uns 7 meses mais ou menos, se fosse no caso da Espanha, ele e a família poderiam morar, trabalhar e estudar na Espanha apenas tendo a dupla cidadania?

    • Oi, Joiceane. Tudo bem? Primeiro: seu pai tem direito à nacionalidade espanhola? Porque se ele não tiver, é muito difícil conseguir um emprego aqui. O governo espanhol não paga para ninguém estudar, ele concede algumas bolsas de estudos que podem incluir ajuda de custo, mas consegui-las pode ser complicado, especialmente se você não é espanhol. Eu recomendaria fazer um curso de espanhol antes de vir, mas o espanhol não é tão difícil e muita gente aprende rápido (e na marra). Quanto ao seu tio, a cidadania americana não dá a ele direito a residir e trabalhar na Espanha. Abs

  185. Maria jose preora // 11/02/2018 em 8:03 pm // Responder

    Ola sou professora de educacao fisica gostaria de trabalhar na espanha,como professora de educacao fisica

    • Oi, Maria José. O primeiro passo é pesquisar se é necessário homologar seu título, algo que é exigido em algumas profissões.

  186. Juliana Fernandes // 27/02/2018 em 4:09 pm // Responder

    Oi, eu moro no Brasil e estou cursando Tec.de Enfermagem e tenho planos de aprender Espanhol, meu pai é espanhol mais sempre morou no Brasil, entao depois que me formasse gostaria de ir trabalhar na Espanha você acha uma boa ideia?

    • Oi, Juliana. Tudo bem? Com a nacionalidade fica bem mais fácil. O que eu recomendo (caso você ainda não tenha feito) é tirar sua nacionalidade e aprender espanhol. Se você pensa em trabalhar com enfermagem e está no começo do curso, saiba que talvez valeria mais a pena fazê-lo aqui, porque senão você vai ter que homologar o curso feito no Brasil e esse processo é bem burocrático. Um abraço!

  187. Ola, boa tarde. Será que pode me ajudar? Recebi uma proposta para trabalhar ai, a 30km de Madrid, estou tentada a aceitar, mas a minha maior duvida é: meu marido e filhos tb tem direito a viver ai legalmente se eu for? Claro, enquanto eu estiver trabalhando. Agradeço se souber me informar

  188. Olá, estou formando em fisioterapia e tenho nascionalidade espanhola, tenho planos em atuar na fisioterapia pediátrica, vc acha que é um mercado promissor na Espanha?

    • Oi, Vitor. Não conheço o setor, por isso não posso te dizer como é, mas o que você deve conferir é a homologação do seu curso, que é um processo um pouco burocrático e uma exigência para exercer algumas profissões aqui. Um abraço!

  189. congrats!

  190. Olá Larissa, gostaria de saber se posso encontrar trabalho na Espanha com visto de estudante porque vou fazer um mestrado, ou se o único tipo de trabalho nesse caso, é o estágio. ALém diso, o que seria um diferencial pra que eu consiga uma vaga de trabalho e a empresa queira me contratar ao invés de contratar um espanhol? Falar 5 idiomas seria um diferencial? Eu quero muito fazer o mestrado na Espanha, tenho condições de pagar por ele, mas não para pagar os custos de vida, como moradia, comida,etc, por ser em euro. Então qual a dica que você pode me dar pra eu conseguir algo que dê pelo menos pra me manter enquanto faço o mestrado? E depois que terminar o mestrado, quais são as chances de continuar no país? Desde já agradeço.

    • Oi, Sheila! Tudo bem? Falei sobre vir como estudante e trabalhar aqui: https://www.estoesmadridmadrid.com/2014/07/08/sou-estudante-em-madrid-posso-trabalhar/ Infelizmente, conseguir um trabalho sem um visto que te permita trabalhar é bastante complicado e 5 idiomas é um diferencial (dependendo da área), mas não é garantia. Infelizmente, eu não recomendaria se arriscar a vir se você não tem condições de se manter sem trabalhar aqui, porque o risco de não conseguir existe. Claro que torço para que você consiga, mas planeje-se bem! Sobre continuar depois no país, a situação é a mesma: você pode renovar o visto de estudante se estiver fazendo outro curso ou então vai encontrar o mesmo desafio para obter um visto de trabalho. Eu recomendaria dar uma olhada nas bolsas de estudos. Boa sorte! Um abraço

      • Muito obrigada Larissa :). Mas você acha que conseguir uma bolsa para trabalhar durante meu mestrado é muito difícil? E se eu conseguir essa bolsa e depois acabar o mestrado,as chances de conseguir um contrato de trabalho na mesma empresa são muito pequenas? Qual dica você me daria pra me preparar aqui pra conseguir algo aí? Obrigada 🙂

  191. Olá Larissa 🌹 Parabéns pela proposta do site ! Tive visto francês por 4 anos (mestrado e pesquisa) mas retornei ao Brasil e expirou esse ano. Meu namorado é espanhol, queremos logo poder ficar juntos. Segundo sua experiência, você acha que demora mais conseguir o visto de trabalho espanhol estando no Brasil (contratação por empresa online) ou a autorização de trabalho na Espanha por união estável ? Estou precisando deste documento para processos seletivos que já o pedem e só assim teria segurança de migrar novamente para Europa. Obrigada e Abração !

    • Oi, Paula! Tudo bem? Conseguir um visto de trabalho espanhol é algo bem complicado porque você precisa ser um profissional altamente qualificado e em falta no mercado espanhol. É bem difícil e é algo que não tem um prazo para rolar. Pode ser que você tenha sorte e aconteça fácil ou pode ser que não aconteça nunca. Portanto, acredito que seja mais fácil conseguir através da união estável. Na verdade, a união estável te dá direito a um documento (familiar comunitário) que já te permite trabalhar. Mas você deve levar em conta que: a) primeiro você deve ir e pedir um dia para fazer a união estável e isso está demorando cerca de 2/3 meses. b) depois de assinar a união leva um mês para te entregarem o certificado. c) já com o certificado, você dá entrada no documento de familiar comunitário, que demora uns dois meses para sair. Ou seja, todo o processo leva uns seis meses. De qualquer forma, deixo o link do post que fiz sobre a união estável aqui: https://www.estoesmadridmadrid.com/2015/05/15/pareja-de-hecho-uniao-estavel-em-madrid-passo-a-passo/ Boa sorte!

  192. Patricia da Silva Lima // 16/03/2019 em 10:49 am // Responder

    oi bom dia sou tecnica de.enfermagem tenho.experiencia 5 anos com idosos alta complexidades sera que consigo emprego ai na espanha meu marido e filho de espanhol

3 Trackbacks & Pingbacks

  1. Como é morar em um país em crise? | ¡Esto es Madrid, Madrid!
  2. Como é morar em um país em crise? | ¡Esto Es Madrid, Madrid!
  3. Como é trabalhar na Espanha? -

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.