Bolsas de estudo para a Espanha

Se você é universitário e pensa em estudar na Espanha, sabia que existem vários processos seletivos de bolsas de estudo com inscrições abertas atualmente? Além das bolsas do Santander, que ainda aceitam inscrições, há outras duas instituições que vão conceder bolsas de estudos para a Espanha: a Auip (Asociación Universitaria Iberoamericana de Postgrado) e a Fundación Botín.

Confiram as informações de cada um dos processos seletivos abertos e não deixem para se inscrever de última hora porque normalmente eles exigem muitos documentos que demoram alguns dias para a universidade providenciar.

Programa para o Fortalecimento para a Função Pública na América Latina

Instituição: Fundação Botín

Prazo de inscrição: Até 16 de junho de 2016.

O que inclui: São 8 semanas de curso entre Madrid e São Paulo, na FGV. A Fundação Botín cobre os gastos de viagem, manutenção, traslados dentro do programa, hospedagem, seguro médico e o curso em si. Os beneficiados não recebem nenhuma quantia econômica.

Requisitos: ser universitário de qualquer país da América Latina com idade entre 19 e 23 anos e ter cursado mais de 50% da graduação – sem ter concluído. Rendimento acadêmico excepcional e domínio do inglês. Serão consideradas a experiência e participação em associações estudantis, políticas e sociais que tenham como objetivo o desenvolvimento da sociedade através de políticas públicas.

Como participar: é preciso se inscrever no site e ter a candidatura avalizada pelo reitor da sua universidade.

Quando acontece: as oito semanas de curso acontecerão entre 14 de outubro e 30 de novembro.

Onde se inscrever: no site oficial.

Bolsas de máster em Universidades Espanholas

A Auip está com vários processos seletivos abertos para quem planeja fazer um Máster na Espanha. Há 10 bolsas para a Universidade Rovira i Virgili, 10 para a Universidad de Cantábria, 5 para a Universidad de Castilla y León, 20 para a Universidad de Alcalá, 10 para a Universidad de Almería, 10 para a Universidad de Cádiz, 10 para a Universidad de Huelva, 10 para a Universidad de Córdoba, 25 para a Universidad de Jaén, 8 para a Universidad Internacional de Andalucía e 15 para a Universidad Pablo de Olavide de Sevilla.

Em algumas é preciso ser estudante ou aluno de alguma das universidades associadas à Auip – no Brasil, a Unesp e a Unicamp-, e em outros as bolsas também podem ser para ex-alunos dessas instituições. Outras bolsas exigem apenas que seja aluno de uma universidade latino-americana.

Os prazos e condições de cada uma delas variam, por isso recomendo consultar o site oficial para ver em qual você se encaixa, mas vou dar o exemplo de uma.

O que é: 10 Bolsas para cursar Másters Universitários Universidade de Cádiz

Prazo: Até 13 de maio de 2016.

O que inclui: São oferecidas 10 bolsas no valor de 5.000 euros cada uma. As bolsas cobrem os gastos de matrícula, incluídas as taxas administrativas com exceção da taxa administrativa de expedição do título. A quantidade restante até os 5 mil será paga quando o beneficiário chegar à Universidade de Cádiz.

Requisitos: Estudantes latino-americanos graduados (preferencialmente nas áreas em que as bolsas serão concedidas – ou professores de Universidades da América Latina.

Quando acontece: No ano letivo 2016/2017, lembrando que aqui o ano letivo é diferente.

Onde se inscrever: Aqui.

Bolsas de Mobilidade entre Universidades Andaluzas e Iberoamericanas 2016

Instituição: Uma das universidades andaluzas que fazem parte da Auip.

Prazo de inscrição: Até 29 de setembro de 2016.

O que inclui: Bolsas para cobrir o deslocamento internacional até um valor máximo de 1.400 euros ou bolsas para gastos de estadia, no caso de que a viagem esteja já financiada por outra via ou o solicitante prefira, até um valor de 1.000 euros em parcela única.

Requisitos: Ser estudante de pós-graduação ou doutorado (da Unicamp ou Unifesp) e/ou interessado em fazer um máster ou doutorado, entre outros.

Quanto acontece: A viagem deve começar antes de 31 de janeiro de 2017.

Onde se inscrever: No site da Auip.

Se você não se encaixa no perfil de nenhuma das bolsas, sempre há a possibilidade de vir por conta própria. Os custos para fazer a graduação ou um máster na Espanha são altos, por isso é fundamental saber quais são as melhores universidades do país.

Boa sorte!

6 Comentários em Bolsas de estudo para a Espanha

  1. Oi Larissa,
    Gosto muitos dos seus posts, e o quanto você informa e divulga ótimos assuntos.

    Eu olhei todas as bolsas, e fiquei com dúvida. As que dizem para quem já é formado, mesmo dizendo dar preferência para as universidades associadas, mas na hora de preencher o formulário pedem autorização acadêmica, referência e cargo que ocupa. será que é apenas para é professor?

    • Oi, Cleide! Não sei como funciona. Acho que nesse caso o melhor é entrar em ctto com a Auip ou com a universidade que está concedendo a bolsa, porque cada uma tem um trâmite diferente. Boa sorte!

      • roghen carlitos almero // 01/06/2016 em 8:25 am // Responder

        ola tudo bom? sou mocambicana preciso tambem de estudar na espanha, como posso fazer por favor mi ajuda. meu endereco electronico:Roghendejesus@gmail.com

        • Oi, Roghen. Essas bolsas são específicas para brasileiros ou latino-americanos. Você teria que ver se há outras bolsas para Moçambique. Normalmente, sites relacionados ao mundo universitário costumam ter essas informações.

  2. Ops! *muito…
    Bj

  3. Ops 2! rs. Será que é apenas para quem é professor?

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notice: Undefined variable: gdprcp_content in /customers/1/f/b/estoesmadridmadrid.com/httpd.www/wp-content/plugins/gdpr-cookies-pro/gdpr-cookies-pro.php on line 260