Coronavírus em Madrid

(Atualizado 21 de fevereiro)

Depois de uma terceira onda do coronavírus que levou grande parte do país a tomar medidas bastante restritivas, Madrid viu a incidência cair nas últimas semanas, passando de cerca de mil casos para cada 100 mil pessoas a 481 atualmente. O número ainda é preocupante, mas o governo da Comunidade de Madrid decidiu relaxar as restrições.

Por conta do surgimento de outras variantes, a Espanha ampliou as restrições de acesso de alguns estrangeiros, como é o caso dos brasileiros. Atualmente, apenas brasileiros com cidadania espanhola ou andorrana, residentes na Espanha ou Andorra e passageiros em trânsito internacional para um país não Schengen podem voar para a Espanha.

Além disso, os brasileiros que entram no país devem obrigatoriamente fazer uma quarentena de 10 dias ou de sete caso façam um PCR com resultado negativo ao chegar. Essa medida entra em vigor a partir da meia-noite desta segunda-feira, 22 de fevereiro.

Essas são as restrições vigentes em Madrid atualmente:

  • Toque de recolher entre as 23:00 e 6:00 horas.
  • Não está permitido visitar outras pessoas em casa, exceto para cuidar de terceiros.
  • Fechamento de bares e restaurantes no máximo à 23 horas e com 50% da capacidade nos espaços fechados e 75% nos espaços abertos – novos clientes só serão admitidos até as 22 horas. A capacidade máxima das mesas é de 4 pessoas no interior e seis nas áreas externas.
  • Instalações esportivas funcionando com 50% da capacidade nas áreas fechadas, assim como lugares de culto.
  • Limitação de 75% da capacidade nos comércios, shoppings, cinemas, teatros.

A partir desta segunda, dia 22, há seis zonas básicas de saúde da capital onde não está permitido entrar e salir, exceto para trabalhar, estudar, motivos de saúde ou de força maior – sempre mostrando o comprovante. São elas: Vinateros-Torito (Moratalaz), Andrés Mellado (Chamberí), Aravaca (Moncloa – Aravaca), Jazmín (Ciudad Lineal), Montesa e General Oráa (Salamanca).

Uso de máscara

O uso de máscara é obrigatório a pessoas a partir dos seis anos em todos os lugares públicos fechados e abertos. Nos bares e restaurantes, as pessoas devem usar a máscara o tempo todo, tirando apenas para comer e beber.

Turistas brasileiros já podem entrar na Espanha?

Não. Ainda não há uma previsão de quando os turistas brasileiros poderão entrar no país, mas aqueles que sejam residentes ou tenham a nacionalidade podem entrar. Desde 30 de novembro de 2020, é obrigatório apresentar o resultado negativo de um teste PCR feito até 72 horas antes da viagem.

Tenho sintomas. O que fazer?

Os sintomas mais comuns são febre, tosse e falta de ar. Caso você tenha esses sintomas, tenha estado em uma zona de risco e/ou tenha tido contágio com uma pessoa que tem o vírus, ligue para o telefone habilitado pela comunidade onde está. Aqui em Madrid este telefone é: 900 102 112. Para saber os telefones em todo o país, confira o site do Ministério da Saúde.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notice: Undefined variable: gdprcp_content in /customers/1/f/b/estoesmadridmadrid.com/httpd.www/wp-content/plugins/gdpr-cookies-pro/gdpr-cookies-pro.php on line 275