Requisitos para entrar na Espanha como turista

Para quem viaja pela primeira vez para a Espanha, as dúvidas podem ser muitas: onde me hospedar? Vou me virar bem se não falo espanhol? Quanto vou gastar? Essas e muitas outras perguntas podem surgir, além, é claro, de saber quais são os requisitos para entrar na Espanha como turista, especialmente após a pandemia.

Neste post, explico quais são as exigências atuais para um cidadão brasileiro residente no Brasil entrar no país para fazer turismo. Todas as informações são oficiais e foram retiradas do site do Consulado da Espanha em São Paulo. Vamos lá!

Documentos exigidos

  • Passaporte válido e em vigor

O passaporte deve ter sido emitido nos últimos dez anos e deve ser válido pelo menos até três meses depois da data prevista de saída da Espanha ou do país da União Europeia de onde a pessoa retornará ao Brasil. Por exemplo, se você vem à Espanha e vai embora no dia 01º de janeiro de 2022, seu passaporte deve ser válido pelo menos até 01º de abril. Se você vem à Espanha e daqui vai a outros países, a data que será levada em conta será a data de partida do último país da viagem e seu passaporte deve ser válido até pelo menos três meses depois dessa data.

  • Reserva de hotel ou carta de invitación

Ao chegar na Espanha, os policiais do controles de fronteiras poderão exigir que você apresente um comprovante da sua reserva de hotel ou, caso você fique hospedado na casa de alguém, uma carta de invitación, sobre a qual eu explico um pouco mais abaixo como é emitida. Se você vai ficar em vários destinos, eles podem exigir que você mostre as diferentes reservas.

  • Confirmação da reserva de uma viagem organizada, com o itinerário

Se você vai viajar a várias cidades, eles podem exigir que você mostre, por exemplo, os outros bilhetes de trem/avião/ônibus, reservas de hotéis em outras cidades/países, etc.

  • Bilhete de volta

Também pode ser solicitado que você apresente seu bilhete de volta ao Brasil, seja ele saindo da Espanha ou de qualquer outro país. Lembre-se de que, a turismo, os brasileiros podem ficar no máximo 90 dias no país.

  • Comprovação de meios econômicos

Para 2021, o valor diário que você terá que comprovar que possui para fazer a viagem é de 95€ (10% do salário mínimo interprofissional). Ou seja, se você vai ficar dez dias, terá que comprovar que está trazendo, no mínimo, 950€. Esse valor não precisa ser apresentado em espécie. Você pode trazer documentos que comprove que tem esse limite no seu cartão de crédito, por exemplo.

  • Seguro-viagem

Para a entrada em qualquer país europeu, o seguro-viagem com uma cobertura mínima de 30.000€ que inclua repatriação também é obrigatório.

Antes de adquirir um seguro, confira se seu cartão de crédito não oferece isso de forma gratuita, já que muitos o fazem quando você compra a passagem aérea com o cartão. Caso contrário, aqui você encontrará uma opção de seguro-viagem.

  • Requisitos em relação à vacinação

Atualmente, cidadãos brasileiros maiores de 12 anos podem entrar na Espanha desde que tenham recebido as duas doses da vacina no mínimo 14 dias antes da entrada e apresentado o certificado de vacinação em inglês ou espanhol (neste post, explico como obter o certificado). A Espanha aceita todas as vacinas aplicadas no Brasil.

Na chegada ao país, haverá um controle de temperatura e um controle visual sobre o estado do passageiro, além da verificação de documentos.

Também será necessário preencher um formulário de controle sanitário disponível no site oficial. Depois de preenchê-lo, será emitido um código QR que você terá que apresentar tanto no momento do embarque no Brasil quanto na chegada à Espanha.

Como obter a carta de invitación em Madrid?

Para obter a tal carta-convite, a pessoa residente na Espanha que hospedará o brasileiro deverá ir à delegacia mais próxima de casa com os seguintes documentos.

  • Formulário preenchido
  • Contrato de aluguel ou escritura pública/título de propriedade
  • Original e cópia do DNI ou NIE da pessoa que hospedará o brasileiro
  • Cópia do passaporte do estrangeiro convidado
  • Certificado de empadronamiento coletivo. O objetivo desse documento é verificar quantas pessoas moram nessa residência para comprovar que há espaço suficiente para receber o convidado. Em Madrid, esse documento pode ser obtido nas Oficinas de Atención a la Ciudadanía

Depois que levar esses documentos à delegacia, a autoridade competente notificará a pessoa residente se o pedido foi aceito e, depois disso, terá que ser feito o pagamento da taxa correspondente (74,31€ para a solicitação e 6,42€ por cada convidado). O modelo correspondente a essa taxa é o 790 012.

A carta de invitación terá que ser enviada ao brasileiro por correio e ele deverá apresentá-la na chegada à Espanha.

Depois de tudo pronto, é hora de embarcar. Se essa for sua primeira viagem, recomendo ler o post sobre 10 coisas que você precisa saber antes de viajar à Espanha que vai ajudar a tirar outras dúvidas para se preparar para a viagem.

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notice: Undefined variable: gdprcp_content in /customers/1/f/b/estoesmadridmadrid.com/httpd.www/wp-content/plugins/gdpr-cookies-pro/gdpr-cookies-pro.php on line 275