Pós-covid: Atrações turísticas de Madrid abertas

Pouco a pouco, a vida em Madrid vai retomando seu ritmo e as atrações da cidade, que sempre estavam lotadas de turistas, voltam a abrir. Inicialmente será apenas para os locais, mas a partir de 21 de junho começarão a chegar turistas da União Europeia e, posteriormente, de outros países onde a epidemia estiver controlada. Para garantir a segurança dos visitantes, diversas adaptações estão sendo feitas nesses espaços e o lado bom é que, para incentivar as visitas, muitos dos museus terão entrada gratuita ou mais barata nas próximas semanas.

Confira abaixo quais são as atrações turísticas de Madrid abertas e as condições especiais adotadas*. Lembre-se de que em todos os lugares fechados é obrigatório o uso de máscara para maiores de 6 anos e que, devido à  restrição no número de visitantes, é melhor comprar o ingresso online para garantir.

  • Museu do Prado: de 06 de junho a 13 de setembro, o Prado estará aberto com outra organização, já que apenas parte das salas estarão abertas, mas as principais obras poderão ser vistas. As visitas podem ser feitas em grupos de no máximo 5 pessoas e as bilheterias não estarão abertas para venda, sendo obrigatório adquirir os ingressos online com no mínimo 24 horas de antecedência. Os preços também mudam e o ingresso custa 7,50€.
  • Museu Reina Sofía: reaberto desde 06 de junho, mas não em sua totalidade. Oferece acesso à maioria das salas da Coleção 1, ao Jardim Sabatini e aos terraços do edifício Nouvel. Para compensar o fato de não poder ver todo o acervo, os ingressos online custam 4€ e, presencialmente, 5€.
  • Museu Thyssen-Bornemisza: reaberto desde 06 de junho. A exposição “Rembrandt y el retrato en Ámsterdam” foi prorrogada até 30 de agosto e a exposição “Joan Jonas. Moving off and land II” estará disponível até 13 de setembro. Você pode comprar o ingresso aqui por 13€.
  • Palácio Real: a compra de ingressos será feita preferencialmente online e presencialmente serão vendidos apenas os ingressos restantes e o pagamento poderá ser feito apenas com cartão. Nem todos os espaços estão abertos.
  • Tour pelo Estádio Wanda Metropolitano: o estádio do Atlético de Madrid já está reaberto, mas funciona com horário reduzido  e não será possível usar os óculos de Realidade Virtual nem sentar nos assentos do estádio, auditório e banco de reservas. Não esqueça de reservar o ingresso.
  • Tour do Santiago Bernabéu: já está funcionando uma das atrações mais populares da cidade. Assim como no Wanda, não é possível visitar todas as áreas, mas para compensar, o ingresso está um pouco mais barato: 19€. Quem preferir pode pagar 22€ e reservar o ingresso flexível, que permite fazer o tour até 31 de dezembro. Você pode reservar aqui.
  • Fundación Mapfre: reaberta apenas a exposição Rodin-Giacometti. Os ingressos custam 3€ e podem ser adquiridos aqui.
  • Jardim Botânico: está aberto desde 1º de junho, mas sem as atividades e visitas guiadas atualmente. Os ingressos custam 6€. Mais info no site oficial.
  • Museu Nacional de Ciências Naturais: entre as principais diferenças está o horário reservado para maiores de 60 anos e pessoas com deficiência das 10 às 11 horas (horário em que será gratuito). Entre junho e agosto, os ingressos custarão 5€ (redução de 2€ em relação ao preço praticado). Não haverá elementos interativos, nem atividades educativas ou visitas guiadas.
  • Matadero: um dos principais centros culturais da cidade volta a abrir a partir do dia 15 de junho, mas apenas em suas áreas ao ar livre e o bar e cafeteria. As atividades culturais serão retomadas no dia 23.
  • Caixa Forum: reaberta a exposição “Vampiros. La Evolución del Mito”. Os ingressos custam 6€.
  • Museu Arqueológico Nacional, Museu Cerralbo, Museu de Antropologia, Museu de Artes Decorativas, Museu do Romantismo (Museo del Romanticismo), Museu da América, : todos esses museus que são administrados pelo Ministério de Cultura e Esporte voltam a abrir no dia 09 de junho e, durante os meses de junho e julho, a entrada será gratuita. Em alguns deles não será possível acessar todas as salas, por isso, consulte o site específico para ver o que estará funcionando em cada um.

Tours e excursões em Madrid

Se você está se perguntando se já pode fazer uma visita guiada pelo Prado ou outro desses museus ou centros culturais de Madrid, a resposta é ainda não! Mas, sim, já é possível fazer tours em Madrid a céu aberto. Aliás, essa é uma ótima oportunidade para fazer um desses tours, já que a cidade está bastante mais tranquila. Você pode fazer, por exemplo, o Free tour por Madrid para aprender o básico ou Free tour de Cervantes se é fã do escritor espanhol ou quer saber mais sobre o Século de Ouro. Para quem procura tours mais específicos, também tem o da Guerra Civil espanhola e o do parque Casa de CampoNesse post, você pode ver 10 tours em Madrid que custam até 12€.

Aproveitem a cidade com responsabilidade!

* Consulte sempre o site oficial antes de qualquer visita para confirmar o preço, horário e condições de visita.

2 Comentários em Pós-covid: Atrações turísticas de Madrid abertas

  1. Saudades de Madrid! Em Setembro, estarei ai, se Deus quiser! ❤️

    • Oi, Maria Alice! Vamos torcer para que até lá tudo isso tenha passado e que os voos de outros continentes tenham voltado à normalidade! 🙂

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notice: Undefined variable: gdprcp_content in /customers/1/f/b/estoesmadridmadrid.com/httpd.www/wp-content/plugins/gdpr-cookies-pro/gdpr-cookies-pro.php on line 260