SnowZone, esquiar em Madrid o ano inteiro

Praticamente todos os brasileiros que eu conheço ficam loucos de alegria quando viajam para qualquer destino onde neve durante o inverno e é claro que eu não sou diferente. Na cidade de Madrid é bem raro nevar e, quando acontece, a neve não acumula e derrete logo depois. Já na serra costuma nevar, mas cada ano é diferente, por isso para quem vem a turismo por pouco tempo tem que ter sorte para ver neve e principalmente para poder praticar esportes de inverno, como esquiar ou fazer snowboard.

esquiar em madrid

Mas há uma solução para quem vem para cá e gostaria de esquiar, inclusive durante o verão! Pouca gente sabe, mas Madrid tem uma estação de esqui fechada dentro do shopping Xanadu, que se chama Snowzone, onde faz frio e dá pra aprender ou praticar esqui e snowboard o ano inteiro.

Eu já tinha esquiado uma vez na vida, há muito tempo, no Valle Nevado (Chile) e tinha amado a experiência, mas aqui nunca consegui esquiar por falta de companhia. Por isso, quando o pessoal do SnowZone me convidou para provar eu aceitei na hora – embora tivesse um pé atrás, pensando que por ser uma estação fechada a pista seria pequena ou não ia ter aquele clima (não literal) de estação de esqui… me enganei!

O espaço do Snowzone é enorme e você realmente se sente como numa estação de esqui. Na verdade, eu me surpreendi porque vi que havia muita gente que praticava o esporte a sério, inclusive já tinha equipamento e roupa. Aliás, havia muitas crianças que sabiam muito! Uma fofura.

Crianças com o professor

Crianças com o professor

Mas vamos à parte prática! Para esquiar no Snowzone você só precisa de vontade (e pagar, claro!).

Na recepção você já escolhe que tipo de passe você quer: por 1 hora, por 4 horas, 1 dia inteiro ou se você para uma temporada (que pode ser até para um ano inteiro). Além do passe, você escolhe se quer alugar roupa e equipamento. Atualmente, o preço de acesso para uma hora é de 22€, mas quem vai durante a semana paga 25€ por 2 horas com aluguel de equipamento – a opção com melhor custo/benefício. Também dá para contratar um professor para quem não souber nem por onde começar ou para as crianças, ou até para quem quer se aperfeiçoar.

Na minha opinião, não vale a pena pegar só uma hora, especialmente se você não tiver experiência porque até que você entra na pista, coloca os esquis no pé e entra no ritmo… já se passaram 40 minutos. Pegue pelo menos 2 horas – 4 pode ser cansativo se você não for um esportista, mas pelo preço talvez seja melhor arriscar.

Depois de pagar, você desce no andar debaixo para pegar os equipamentos. É tudo bem organizado e vai por etapas: primeiro a roupa, depois as botas e por últimos os equipamentos em si. Essa área é bem ampla e tem banheiros para se trocar, além de contar com armários onde você pode guardar suas coisas enquanto esquia (você tem que pagar 6 euros e te devolvem 4).

Se achando a esportista...

Se achando a profissional…

Hora de ir pra pista! O tempo só começa a contar realmente quando você passa pela catraca. Ao entrar já dá para sentir a mudança brusca de temperatura, já que lá dentro fazia – 2 graus. Existem duas pistas: a principal tem 250 metros e mais de 25% de desnível e a menor tem 100 metros de comprimento.

Como ainda lembrava um pouco como era, decidi testar a pequena e adorei! Depois de algumas descidas e nenhuma queda, decidi me arriscar na grande achando que estava arrasando. Quando cheguei lá em cima, depois de subir com o teleférico, não tinha nem ideia de como ia descer aquilo: era muito grande!! Mas fui… não caí, mas achei que ia ter um ataque do coração, rs!

snowzone 2

Achei bem legal porque eles têm atrações para todos os públicos: as crianças adoraram o tobogã e tinha também tirolesa para os adultos e mini-golf para os pequenos, que não cheguei a ver. Para quem já é expert em esportes de neve, na pista grande havia rampas que permitiam fazer manobras mais radicais.

Fiquei lá por uma hora e meia e teria ficado mais porque passou voando e me senti super feliz e realizada. É algo que quero voltar a fazer várias vezes – já o namorado não gostou e disse que na próxima me espera no minigolf.

esquiar em madrid 3

O único problema do Snowzone é que está um pouco afastado do centro de Madrid. De carro, são uns 20 minutos; mas também é possível chegar ao Xanadu de transporte público – há vários ônibus que saem de Príncipe Pio e passam lá. Se você decidiu ir, aproveita que está no shopping para passar no restaurante brasileiro Brassa Nova.

No site do Snowzone rolam uns descontos para quem comprar online, por isso se programar e comprar antecipadamente é uma boa opção. E aí, quem se anima? E se você viaja para outras partes da Europa, o blog That Good Trip dá dicas para quem quer esquiar na montanha!

*Passeio a convite da estação Snowzone. As opiniões são completamente pessoais.

Snowzone

De 1º de março a 30 de novembro:
– de domingo a quinta das 10 às 22h e sextas e sábados, das 10h às 24h.

De 1º de dezembro a 28 de fevereiro:
– todos os dias, das 10h às 24h.

Related Post

1 Comentário em SnowZone, esquiar em Madrid o ano inteiro

  1. Excelente dica Larissa! Quero testar… 🙂

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.