10 coisas para fazer em Madrid em julho de 2021

Já estamos no dia 05, mas este mês não queria deixar de fazer a agenda porque é a primeira vez em um bom tempo que sinto que a vida cultural de Madrid vai ganhando força mesmo estando em pleno verão, quando tudo costuma ser mais tranquilo. Aqui vai minha lista das 10 coisas para fazer em Madrid em julho – a maioria delas por menos de 5€!

Cinema de verão Fescinal

Madrid no verão é sinônimo de cinema ao ar livre e o Fescinal é um dos mais clássicos da cidade. Como costumar ser, a programação é bastante variada e inclui desde clássicos, como “A Princesa prometida”, até filmes atuais reconhecidos pela crítica, como “Nomadland”, passando por filmes infantis, como “Tom & Jerry” e “Raya”. São duas sessões diárias às 22:15 e os ingressos custam entre 4€ e 6€.

Veranos de la Villa

Em sua 37ª edição, este ano o evento organizado pela prefeitura acontecerá entre os dias 06 de julho e 29 de agosto e contará com mais de 50 atividades, incluindo shows, circo, cinema, artes cênicas, etc.

Entre os principais destaques está o Bounce by Circa, um castelo inflável gigante em pleno parque Juan Carlos I onde acontece uma apresentação circense (15€) e o show de Natalia Lacunza no dia 15 de agosto no pátio de Conde Duque. Dá uma olhada na programação porque os ingressos de algumas atividades já estão esgotados.

Noches de Verano no Caixa Forum

No verão madrileño, todos nos tornamos um pouco morcegos. Durante o dia é difícil fazer qualquer coisa pelo calor, mas as noites são perfeitas para curtir ao ar livre. Nesse ano, o Caixa Forum promove recitais de poesia, shows e sessões de cinema até 05 de agosto.

Os “microconciertos” acontecem às quintas ou sextas e têm entrada gratuita – basta reservar no site com duas semanas de antecedência, enquanto os shows mais longos custam 9€ e as sessões de cinema, 6€.

Jazz Palacio Real

Com três palcos nos arredores do Palácio Real, esse ciclo de shows de jazz traz músicos como Silvana Estrada, Carminho, Miguel Poveda, Chucho Valdés e Zenet. Os preços variam de acordo com o artista e o assento.

Mas se você anda com o orçamento curto, não se preocupe. Nos arredores da Fonte das Conchas, no Jardim do Campo do Mouro, e perto do Pavilhão da Reina haverá apresentações por apenas 1€ (de gasto de gestão).

Noches del Botánico

Outro ciclo de shows clássico de Madrid, o Noches del Botánico chega com um line-up variado. No dia 09 tem Tomatito, dia 20 tem Jorge Drexler e dia 30 tem José González – entre muitos outros.

La Terraza Magnética

Os moderninhos de Madrid que ainda não têm destino de viagem nestas férias já sabem onde se encontrar: na Casa Encendida. Um ano mais, esse centro cultural promove cinema ao ar livre e música ao vivo, dessa vez tendo como tema a relação do homem com a natureza.

Os shows são de estilos bastante variados, desde a artista peruana Ale Hip até a música africana de Bikôkô, passando pela artista Verde Prato, que canta em euskera. Se você quer conhecer coisas novas e está com a cabeça aberta, não perca. As sessões de cinema custam 3€ e os shows, 5€.

Juglares Callejeros

Durante todas as terças-feiras até o mês de junho, não perca a oportunidade de assistir aos shows com artistas de rua que acontecem no Corral Cervantes, uma terraza super agradável que funciona apenas nos meses mais cálidos em frente ao Palácio de Cristal do Matadero.

Estivemos lá na semana passada e adoramos a banda e o ambiente. O melhor? Os shows são gratuitos, você só paga o que consumir.

Exposição “Gerardo Vielba”

O fotógrafo espanhol Gerardo Vielba retratou as transformações do país durante sua longa trajetória profissional e a Sala Canal de Isabel II exibe 116 obras de diferentes fases do artista. Uma exposição sensível que vale a pena visitar e que está em cartaz até 25 de julho. A entrada é gratuita.

Visitas guiadas originales

Por que não aproveitar o verão para conhecer Madrid melhor e de outra perspectiva? É possível conhecer a fundo o bairro de Chueca, descobrir a história de estrangeiros em Madrid, a moda na cidade, a história do famoso 2 de maio de 1808, arquitetura sem prejuízos, a Madrid boêmia e um longo etc.

São 25 visitas semanais diferentes, de terça a domingo, e cada uma custa apenas 3€. Os ingressos podem ser adquiridos no Centro de Turismo da Plaza Mayor ou no site oficial.

Exposição “Emilia Pardo Bazán. El reto de la modernidad”

Uma das grandes escritoras europeias na transição dos séculos XIX e XX, Emilia Pardo Bazán ganha esta exposição na Biblioteca Nacional para aproximar sua obra e vida ao grande público.

Além de ser uma das autoras responsáveis pela renovação da ficção em sua época, Emilia trouxe o feminismo para o debate cultural e político. Uma ótima oportunidade de conhecer um dos grandes nomes da literatura espanhola. A entrada é gratuita, mas é recomendado reservar horário no site.

E lembrem-se: continuem se cuidando e se protegendo! ¡Feliz verano!

Escreva um comentário

Seu e-mail não será divulgado


*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Notice: Undefined variable: gdprcp_content in /customers/1/f/b/estoesmadridmadrid.com/httpd.www/wp-content/plugins/gdpr-cookies-pro/gdpr-cookies-pro.php on line 275